José Aldo treinará na terça-feira para ver se possui condições de lutar no UFC 189

Sparring do campeão do UFC, Jonas Bilharinho acredita que combate contra Conor McGregor será mantido

Ex-campeão do Jungle Fight, Bilharinho (dir.) foi sparring de Aldo (esq.) para luta com McGregor. Foto: reprodução

Ex-campeão do Jungle Fight, Bilharinho (dir.) foi sparring de Aldo (esq.) para luta com McGregor. Foto: reprodução

Veja Também

Ex-lutador do UFC e comentarista diz que Aldo deverá lutar no UFC 189 pelo dinheiro
Treinador de Aldo aponta divergências entre diagnósticos do Brasil e do UFC sobre lesão
McGregor provoca Aldo: ‘Não se preocupe com a costela, eu vou mirar no queixo’

A próxima terça-feira, 30 de junho, terá papel fundamental para o futuro da luta principal do UFC 189, entre José Aldo e Conor McGregor. Lesionado na costela, o campeão dos penas deverá voltar aos treinos e definir se possui ou não condições de participar do evento, que acontecerá no dia 11 de julho em Las Vegas (EUA).

De acordo com Jonas Bilharinho, ex-campeão dos penas e galos do Jungle Fight e sparring de Aldo para o combate, o atleta da Nova União deverá tomar uma decisão final dentro das próximas 24 horas. “Ele está com um pouco de dor, mas há dores que dá para aguentar durante a luta e há aquelas que não dá. Nós vamos testá-lo na terça-feira. Terça-feira será o grande dia”, contou, em entrevista ao podcast “The MMA Hour”.

Apesar das dores de Aldo, Bilharinho acredita que a luta principal do UFC 189 deverá ser mantida. “Acho que ele provavelmente irá lutar. E espero que seja assim. Estarei com ele na terça-feira para ver o que ele é capaz de fazer durante o treinamento, mas, na minha opinião, ele vai lutar. Estou sendo otimista porque Aldo quer demais essa luta”, apostou.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments