Comissão de Nevada diz que Aldo não deverá ter problemas para receber licença para lutar | SUPER LUTAS

Comissão de Nevada diz que Aldo não deverá ter problemas para receber licença para lutar

Diretor da entidade afirma que relatórios que recebeu indicam que contusão do brasileiro não é grave a ponto de impedi-lo de ser liberado para lutar

J.Aldo (foto) está invicto desde 2006, quando sofreu a única derrota de sua carreira. Foto: Josh Hedges/UFC

J.Aldo (foto) está invicto desde 2006, quando sofreu a única derrota de sua carreira. Foto: Josh Hedges/UFC

Caso José Aldo decida participar normalmente do UFC 189, no dia 11 de julho, o brasileiro muito provavelmente não enfrentaria a objeção da Comissão Atlética de Nevada. É o que garante Bob Bennett, diretor executivo da entidade que irá regulamentar o evento em Las Vegas.

Veja Também

Em entrevista ao site da emissora norte-americana “ESPN”, Bennett afirmou que o médico da Comissão, Timothy Trainor, entrou em contato com o responsável pelo UFC, Jeff Davidson, e constatou-se que a lesão do brasileiro, ao que tudo indica, não é grave o bastante para evitar que a licença para lutar fosse dada.

“No momento, de acordo com o contato feito pelo Dr. Trainor com o Dr. Davidson, aparentemente Aldo tem uma contusão na costela e uma lesão na cartilagem. O Dr. Trainor ainda está esperando para ver a documentação, mas, no atual momento, acreditamos ser altamente improvável que Aldo venha ter problemas para competir. O Dr. Trainor me disse que este tipo de lesão é bastante comum e normalmente melhora em alguns dias”, explicou Bennett.

Segundo explicou o dirigente, Aldo deverá receber a liberação para competir após a entidade analisar a documentação médica completa do lutador. Caso o brasileiro seja retirado do evento, o UFC já anunciou que Chad Mendes irá enfrentar Conor McGregor no dia 11 de julho, em combate que colocaria em jogo o cinturão interino da categoria.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments