Candidata a rival de rival de Ronda, Holly Holm vence sem sustos no UFC Fight Night 71

Campeã mundial de boxe manteve sua invencibilidade no MMA ao bater Marion Reneau; Ferguson domina Thomson em atuação de gala

Holm venceu mais uma no UFC. Foto: Divulgação

Holm venceu mais uma no UFC. Foto: Divulgação

Holly Holm, considerada uma das grandes promessas para desbancar Ronda Rousey no UFC, deu mais um importante passo rumo ao topo da divisão galo feminina. Na noite desta quarta-feira (15), no UFC Fight Night 71, a norte-americana dominou a luta contra Marion Reneau e venceu sem grandes dificuldades, mantendo sua invencibilidade no MMA.

Veja Também

UFC Fight Night 71: Yahya e ‘Bate-Estaca’ vencem no card preliminar em San Diego
Demetrious Johnson defenderá cinturão contra John Dodson na luta principal do UFC 191
Ex-campeão do PRIDE, lendário russo Fedor Emelianenko anuncia retorno ao MMA

Holm ditou as ações de praticamente todo o combate, sem sofrer ameaças. Apesar de seu retrospecto como campeã mundial de boxe, a lutadora usou e abusou dos chutes, o que acuou e intimidou Reneau. A oponente, em contrapartida, tentou levar a luta ao solo somente por duas vezes, puxando para a guarda, mas sem sucesso.

Nos instantes finais, Holm acertou bons chutes na linha de cintura de Reneau, que claramente sentiu. A luta foi decidida pelos juízes, que deram a vitória de forma unânime para a invicta lutadora.

Com isso, Holm chega a sua nona vitória no MMA, sendo a segunda no UFC – ela havia batido Raquel Pennington no UFC 184, em fevereiro. Já Reneau, que vinha de duas vitórias, sobre Alexis Dufresne e Jéssica Andrade, sofre seu primeiro revés no octógono.

Em atuação de gala, Ferguson bate ex-campeão do Strikeforce

Tony Ferguson se estabeleceu ainda mais como estrela em ascensão na divisão dos leves na segunda luta mais importante do evento. “El Cucuy”, como é conhecido, castigou bastante e derrotou o veterano Josh Thomson, ex-campeão do Strikeforce.

Após um primeiro round de estudo, Ferguson esteve muito próximo de encerrar o combate no segundo assalto. O lutador acertou boas cotoveladas em Thomson, o que provocou cortes e o balançou. Surpreendentemente, Thomson conseguiu sobreviver, apesar dos golpes e das tentativas de finalização de Ferguson.

O combate chegou ao seu round final com Thomson disposto a reverter o prejuízo. Apesar de ter acertado bons golpes, como um soco rodado, o veterano sofria com o bom boxe de Ferguson, que controlava bem a distância e abusava de jabs.

Ao fim de três rounds de disputa, Ferguson foi declarado vencedor na decisão unânime dos juízes. É sua sexta vitória seguida no UFC, sendo que Thomson fica em situação delicada com seu terceiro revés em sequência.

Resultados do UFC FN 71:

CARD PRINCIPAL

Frank Mir derrotou Todd Duffee por nocaute no R1

Tony Ferguson derrotou Josh Thomson na decisão unânime dos juízes

Holly Holm derrotou Marion Reneau na decisão unânime dos juízes

Manny Gamburyan derrotou Scott Jorgensen na decisão unânime dos juízes

Kevin Lee derrotou James Moontasri por finalização no R1

Alan Jouban derrotou Matt Dwyer na decisão unânime dos juízes

CARD PRELIMINAR

Sam Sicilia derrotou Yaotzin Meza na decisão unânime dos juízes

Jéssica Andrade derrotou Sarah Moras na decisão unânime dos juízes

Rani Yahya derrotou Masanori Kanehara na decisão dividida dos juízes

Sean Strickland derrotou Igor Araújo na decisão unânime dos juízes

Kevin Casey derrotou Ildemar Marajó na decisão unânime dos juízes

Lyman Good derrotou Andrew Craig por nocaute técnico no R2

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments