Veterano do TUF 1, Mike Swick anuncia aposentadoria do MMA após derrota no UFC 189

Norte-americano, de 36 anos, perdeu recentemente para Alex Garcia; assim, Diego Sanchez é o único do programa em atividade no Ultimate

Swick (foto) se aposentou do MMA. Foto: Divulgação/UFC

Swick (foto) se aposentou do MMA. Foto: Divulgação/UFC

Mais um veterano da primeira edição do reality show The Ultimate Fighter pendurou as luvas. Mike Swick anunciou que não voltará a lutar depois de ser derrotado em sua última aparição no octógono, no dia 11 de julho, no UFC 189.

Veja Também

‘Eu teria lutado lesionado com McGregor se pudesse, mas não dava’, admite Aldo
UFC divulga imagem de ator caracterizado como José Aldo para filme sobre a vida do campeão
Werdum e Velasquez se estranham e são separados por Van Damme em novo filme

Swick, hoje com 36 anos de idade, participou da histórica edição inaugural do programa, no início de 2005, que revelou nomes como Forrest Griffin, Josh Koscheck, Diego Sanchez, Stephan Bonnar, Kenny Florian e Chris Leben. Na ocasião, ainda competindo como meio-pesado, Swick chegou à semifinal, perdendo para Bonnar.

O desempenho garantiu que Swick fosse contratado pelo UFC, onde fez 15 lutas, sendo dez vitórias e cinco derrotas. Ele chegou a ficar próximo de disputar o cinturão em 2009, mas acabou perdendo para Dan Hardy; depois disso, sofreu mais algumas derrotas, incluindo a última, para Alex Garcia, no UFC 189.

“A luta do dia 11 de julho, no UFC 189, foi oficialmente a minha última. Estava saudável e sem lesões pela primeira vez em oito anos, mas mesmo assim não consegui impor meu jogo. Chega uma hora em que todo lutador percebe que está mais velho e que não rende mais o que já rendeu um dia. Quero reconhecer isso e me manter firme ao que sempre disse, que iria me aposentar quando sentisse que já deu. Não é justo ao UFC, aos fãs e à minha família e amigos continuar seguindo esta carreira com performances das quais não me orgulho”, escreveu Swick, em seu Facebook pessoal.

Com isso, o único veterano do TUF 1 que segue em atividade no UFC é Diego Sanchez, que se sagrou campeão na divisão dos médios. Outro que recentemente lutou no octógono, Josh Koscheck anunciou que passará a lutar pelo Bellator.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments