‘Mídia criou ilusão de que Ronda é invencível, mas ela não é’, dispara Bethe Correia

Desafiante pelo cinturão diz que campeã tenta intimidar suas adversárias e critica rival por polêmica com suicídio: ‘Quer me transformar em vilã’

Mesmo lutando em casa, Bethe (dir.) aparece como grande azarona diante de Ronda. Foto: Reprodução

Rousey (esq) e Correia (dir) se enfrentam no UFC 190. Foto: Reprodução

No próximo sábado, 1º de agosto, Bethe Correia tem uma missão bastante difícil no octógono. A brasileira tentará quebrar a invencibilidade de Ronda Rousey e conquistar o cinturão no UFC 190, que será realizado no Rio de Janeiro.

Apesar de Rousey ser a campeã dominante da divisão galo feminina, tendo atropelado todas suas cinco adversárias no octógono, Correia garante que a norte-americana está longe de ser imbatível.

Veja Também

Bethe avisa Rousey: ‘Aprenda como perder e não use drogas novamente’
Ronda Rousey diz que luta com Bethe Pitbull é pessoal: ‘Nunca quis bater tanto em alguém’
Ronda chora ao relembrar provocações de Bethe sobre suicídio de seu pai

“Ronda tem essa característica de ser essa lutadora perfeita e toda poderosa e a mídia criou essa ilusão de que ela é invencível. Eu não acredito que ela seja invencível. Eu posso ir lá e vencê-la. Até aquela entrevista que ela deu recentemente, na qual disse que iria me usar como exemplo do que não fazer para as outras garotas. Ela está tentando se fazer parecer tão perigosa para que as pessoas a temam”, opinou a brasileira, em entrevista ao site da emissora norte-americana “FOX Sports”.

Bethe também criticou a reação de Rousey a uma de suas declarações, quando disse que esperava que a norte-americana “não se matasse depois de ser derrotada”. A campeã se mostrou chateada com as palavras, já que seu pai se suicidou quando ela ainda era criança. A brasileira afirmou que a atitude de Rousey distorce suas palavras para fazer com que Correia se transforme na vilã.

“Essa história toda me instigou ainda mais para a luta. Ronda pegou algo que eu disse e interpretou da forma que quis para que eu parecesse a vilã. Ela distorceu tudo o que eu disse. Ela está tentando me difamar, mas eu não vou deixar ela queimar meu nome por algo que ela interpretou mal. Para ser sincera, quando ela começou a chorar com meu comentário, posso dizer que fiquei orgulhosa com seu desempenho como atriz. Ela fez um ótimo trabalho. Está no caminho para se tornar uma estrela de Hollywood e talvez ganhar um Oscar em breve”, disparou a brasileira, fazendo referência à passagem de Ronda Rousey pelo cinema.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments