Patricky Pitbull vence e fica próximo de cinturão do Bellator

Brasileiro acertou as contas com Saad Awad e pediu a chance contra o campeão dos leves Will Brooks

P. Pitbull (esq.) venceu S. Awad (dir.) no Bellator 141. Foto: Sherdog

P. Pitbull (esq.) venceu S. Awad (dir.) no Bellator 141. Foto: Sherdog

O brasileiro Patricky Pitbull debutou em 2015 com grande estilo. Afastado do cage cirgular do Bellator desde setembro do ano passado, o potiguar derrotou o norte-americano Saad Awad e deve ser o próximo desafiante ao cinturão dos leves da organização. O combate foi a segunda luta mais importante do Bellator 141, evento realizado na noite desta sexta-feira (28), em Temecula, na Califórnia (EUA). Na principal atração da noite, o ex-UFC Melvin Guillard estreou com o pé-esquerdo e foi derrotado por Brandon Girtz.

Pitbull vence e fica perto do cinturão

O clima entre o brasileiro Patricky Pitbull e o norte-americano Saad Awad foi tenso e com muitas provocações durante a semana, mas dentro do cage circular as diferenças foram colocadas de lado. A expectativa era de uma luta franca, com muita trocação, mas os atletas se respeitaram excessivamente e o duelo foi extremamente tático.

Veja Também

Presidente afirma que Fedor não assinará com o Bellator
Ex-namorado critica Ronda por suposto caso com lutador casado

O brasileiro começou melhor a luta, golpeando sem contundência, mas somando pontos. No segundo round, porém Awad conseguiu a recuperação. Ele encaixou três  diretos explodirem nos eu rosto. O susto fez Pitbull voltar mais ligado para o assalto final. Ele controlou as ações na trocação, mesclou em investidas com quedas para levar a fatura na decisão unânime dos juízes.

Durante o combate entre Pitbull e Awad, o campeão da categoria, Will Brooks, comentou o duelo e pediu para enfrentar o vencedor da peleja. Ele ignorou o confronto contra Held, já agendado para o dia 6 de novembro, e pediu a luta.

Patricky parece não ter gostado da provocação e já disparou contra o dono do cinturão. “É um palhaço, fala demais. Brooks, estou a caminho”, disparou.

Guillard vai mal e perde mais uma

A fase do veterano Melvin Guillard não é das melhores. O ex-lutador do UFC, conhecido pelas mão pesadas e por realizar sempre grandes lutas, conheceu sua terceira derrota nas últimas quatro lutas. No duelo diante do inexpressivo Brandon Girtz ele acabou dominado durante todo o tempo.

No primeiro round, Guillard foi derrubado já no início da parcial e ficou com as costas no chão até o gongo soar. No segundo assalto a história se repetiu e Girtz não se arriscou na trocação, usando o jogo de quedas para abrir vantagem.

No último round, o duelo parecia seguir para o mesmo caminho, mas Melvin Guillard ainda teve um fio de esperança. Ele aproveitou o recomeço na luta na trocação e encaixou boa sequência de golpes que deixou Girtz grogue. Brandon esteve perto de ser nocauteado, mas mesmo sentindo os ataques, conseguiu derrubar novamente e levar a disputa na decisão unânime.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments