Astro do boxe oferece suporte para trazer Ronda ao esporte

Oscar de la Hoya enaltece potencial de campeã do UFC e garante que sua empresa promotora de lutas irá apoiá-la na nova jornada

Ronda venceu duas vezes em 2014, ambas por nocaute, e brilhou quase como estrela solitária no UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

Ronda venceu duas vezes em 2014, ambas por nocaute, e brilhou quase como estrela solitária no UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

Foi só Ronda Rousey demonstrar interesse em migrar para o boxe profissional que já apareceram interessados para ajudar a promover a mudança. Antigo astro do pugilismo, Oscar de la Hoya garantiu que sua empresa promotora de lutas, a Golden Boy Promotions, quer dar todo o apoio necessário à lutadora norte-americana, atual campeã do UFC.

Veja Também

Ronda sonha alto e quer ser campeã no boxe, jiu-jitsu e telecatch
Ronda confirma namoro com peso pesado do UFC: ‘Estamos nos conhecendo’
Campeã de boxe argentina desafia Ronda: ‘Estou te esperando!’

Recentemente, Ronda declarou que tem o objetivo de expandir sua vida competitiva além do UFC, e o título mundial de boxe está em seus planos. De la Hoya, que em seus tempos de lutador derrotou nomes como Arturo Gatti, Julio Cesar Chavez e Héctor “Macho” Camacho, elogiou o potencial da campeã e afirmou que ela tem os pré-requisitos para ter sucesso no boxe.

“Eu tenho algumas boas ideias para o boxe feminino. Eu prometi às lutadoras mulheres que a Golden Boy estaria envolvido com elas, então temos algo crescendo. Nós já conversamos e, quando ela estiver pronta para entrar em um ringue como pugilista, a Golden Boy Promotions estará ao lado dela. Ela é durona, ela é muito boa. Velocidade, potência, instinto… Isso é muito importante. Ela se arrisca para se tornar grande, ao contrário de muitos outros. Eu sei que ela pode lutar em pé, eu já vi, mas é questão de fazer a primeira luta e se provar. Isso é tudo”, analisou De la Hoya, em entrevista ao canal do YouTube “Fight Hub TV”.

Antes de pensar em boxe, Ronda tem missão marcada para o UFC 193, no dia 14 de novembro. No octógono montado no Etihad Stadium, em Melbourne, na Austrália, a campeã fará nova defesa de cinturão diante de Holly Holm.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments