‘Amei ver Ronda levando uma surra’, revela Bethe

Brasileira, que enfrentou ex-campeã em agosto, disse que rival é superestimada e pede por revanche

Ronda (esq.) e Bethe (dir.) se enfrentaram em agosto. Foto

Ronda (esq.) e Bethe (dir.) se enfrentaram em agosto. Foto

Muita gente vibrou com a vitória de Holly Holm sobre Ronda Rousey na luta principal do UFC 193, no último fim de semana. Mas uma pessoa em especial sentiu grande satisfação com a queda da agora ex-campeã: Bethe Correia, que havia sido a última vítima de Ronda, não escondeu que “amou” o resultado do combate.

Veja Também

Holly Holm choca o mundo, vence por nocaute e deixa Ronda chorando
‘Ronda não estava perdendo em pé’, defende técnico
Cinco fatores técnicos que fizeram Holm arrasar Ronda

Para a brasileira, Ronda se deixou levar pelos elogios que recebeu justamente depois da luta entre elas, em agosto. Na ocasião, a norte-americana nocauteou Bethe em menos de um minuto, o que fez com que muitos enaltecessem sua trocação. No entanto, diante de Holm, Rousey foi presa fácil e acabou nocauteada no segundo round.

“As pessoas a fizeram acreditar que ela é uma excelente trocadora. Seu técnico fez isso, e o fato de ela ter me vencido em pé deu ainda mais confiança a ela. Ela fez seu treinamento focando na trocação, mas ela esqueceu do judô. Ela esqueceu de sua origem, mas Holly não. Holly sabe que é trocadora. Foi maravilhoso vê-la levando uma surra, cometendo erros. Eu amei. Ronda era superestimada e precisávamos de alguém para chegar lá e acabar com seu jogo”, comemorou Bethe, em entrevista ao site norte-americano “MMA Fighting”.

Ainda engasgada com a algoz, a brasileira sonha em poder ter a chance de devolver a derrota. “Eu odeio Ronda e ainda quero uma revanche. Quero Rousey x Correia 2. Não era eu que estava lutando naquele dia”, completou.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments