Comentarista do UFC pede desculpas a Cyborg por piada maldosa

Joe Rogan, que chegou a dizer que a brasileira tinha um ‘órgão genital masculino’, afirmou que não queria magoar a lutadora

J. Rogan (foto) é o comentarista oficial dos principais eventos do UFC. Foto: Divulgação

J. Rogan (foto) é o comentarista oficial dos principais eventos do UFC. Foto: Divulgação

Comentarista oficial do UFC nos Estados Unidos e que também atua como comediante, Joe Rogan pediu desculpas a Cris Cyborg por uma piada maldosa que fez a respeito da lutadora brasileira recentemente. Rogan explicou o contexto que o fez dizer o fatídico comentário, mas assumiu total responsabilidade por suas consequências.

Veja Também

Alvo de piada preconceituosa, Cyborg briga com comentarista do UFC e comediante
Invicta FC anuncia data de próxima luta de Cyborg
‘Acredito que posso bater o peso de Ronda’, diz Cyborg

Na ocasião, o comentarista afirmou, entre outras piadas, que Cyborg só conseguiria descer para o peso galo, onde lutam Ronda Rousey, Holly Holm e companhia, se “cortasse fora seu órgão masculino”. A lutadora, obviamente, ficou chateada com as declarações, mas Rogan fez questão de se retratar.

“Eu não deveria ter dito aquilo, mas é isso que se diz quando se está na companhia de comediantes. É isso que fazemos. Além do mais, eu já tinha bebido um pouco. Foi uma idiotice, e certamente eu não queria fazer aquilo com malícia alguma. Me sinto mal em ter dito aquilo, porque não quero ferir seus sentimentos. Espero que ela aceite minhas desculpas. É minha culpa e eu assumo total responsabilidade”, disse Rogan.

Rogan, Ronda e até mesmo o presidente do UFC, Dana White, já fizeram comentários a respeito da aparência da brasileira, também motivados pelo fato de que a lutadora já foi flagrada em exames antidoping com anabolizantes. Mesmo assim, Cyborg tenta descer para 61 kg para enfim poder fazer sua estreia no UFC.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments