Ronda se diz ‘triste para car****’ com derrota e revela sequelas de nocaute

Ex-campeã do UFC conta que levará meses para voltar a comer normalmente devido às lesões que sofreu em combate contra Holm

Ronda (foto) sofreu sua primeira derrota como profissional diante de H. Holm. Foto: Josh Hedges/UFC

Ronda (foto) sofreu sua primeira derrota como profissional diante de H. Holm. Foto: Josh Hedges/UFC

Ronda Rousey manteve o silêncio desde que perdeu a invencibilidade no MMA e o cinturão do UFC para sua compatriota Holly Holm, no dia 15 de novembro. No entanto, quase um mês após o fatídico combate, a ex-campeã enfim deu sua primeira entrevista e não escondeu sua decepção com o resultado.

Veja Também

Sem cicatriz, Ronda aparece pela primeira vez após derrota comemorando ‘Ação de Graças’
Dana White: ‘Ronda Rousey está ainda maior após a derrota’
Dana White confirma revanche entre Ronda e Holm

“Estou realmente triste para car****”, admitiu a lutadora, em conversa com a revista norte-americana “ESPN”.

Ronda foi derrotada por Holm no segundo round da luta, com um nocaute após receber um chute na cabeça. Ainda em Melbourne, na Austrália, onde o combate ocorreu, a lutadora passou por uma cirurgia plástica para reparar uma lesão no lábio. Apesar de as consequências da contusão não serem visíveis, ela admitiu que ainda sofrerá com as sequelas por um tempo, o que impedirá um retorno mais imediato às lutas.

“Pode levar de três a seis meses até que eu possa comer uma maçã, quanto mais levar um impacto”, detalhou Rousey, acrescentando que também deslocou

alguns dentes com o chute de Holm.

Aos 28 anos de idade, Rousey se manteve invicta entre 2011 e 2015, conquistando 12 vitórias, todas elas por nocaute ou finalização. Entre suas vítimas mais famosas estão Miesha Tate, Sara McMann, Cat Zingano, Alexis Davis e Bethe Correia.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments