Miesha aposta em nova vitória de Holm sobre Ronda: ‘Estará ainda mais preparada’

Ex-desafiante ao título disse que, além da ausência de problemas físicos, nova campeã também terá tempo de sobra para se aperfeiçoar ainda mais

Miesha (foto) enfrentará brasileira A. Nunes em dezembro. Foto: Strikeforce/Divulgação

Miesha (foto) ainda não sabe quando voltará ao octógono. Foto: Strikeforce/Divulgação

Miesha Tate deveria ser a desafiante ao cinturão peso galo feminina, mas acabou sendo posta de lado para que Holly Holm enfrentasse Ronda Rousey. Com a vitória de Holm sobre Rousey, Tate ficará esperando novamente, já que o Ultimate confirmou uma revanche imediata entre as rivais. Na opinião de Tate, entretanto, a opção é um erro, já que Ronda acabará derrotada novamente.

Veja Também

GIRO SUPER LUTAS #05: UFC Orlando | Futuro de McGregor e Aldo | Fedor e mais
Nick Diaz acusa St. Pierre de doping: ‘Ele tem que voltar e lutar comigo’
Campeã do TUF é presa após briga em bar nos EUA, diz site

“Não foi sequer uma luta disputada, e Holly tem o estilo perfeito para derrotar Ronda. Ela já está de volta aos treinos, não possui lesões decorrentes da luta e já sabe que enfrentará Ronda novamente. Holm tem todo o tempo que precisa para ajustar algum detalhe no qual queira melhorar. Acho que ela estará ainda mais preparada, e por isso não acho que a revanche seja uma boa ideia, porque Ronda pode acabar sofrendo sua segunda derrota seguida”, declarou a ex-campeã do Strikeforce, ao programa “MMA Junkie Radio”. “Não me agrada uma revanche em tão pouco tempo, por tudo que Ronda tem ao seu redor, além de suas lesões. Acho que o resultado pode não ser positivo”, completou.

Miesha ainda falou sobre seu futuro e disse que ainda aguarda um contato do Ultimate para definir sua situação. “Ainda não sei quem será a minha próxima adversária, mas gostaria que minha próxima luta fosse valendo o cinturão. Como parece que não é o que vai acontecer, estou aguardando uma ligação do UFC para saber o que vai acontecer”, avaliou a norte-americana, que vem sendo especulada como possível adversária das brasileiras Amanda Nunes e Bethe Pitbull.

Aos 29 anos, Miesha Tate tem um cartel profissional de 17 vitórias e cinco derrotas. Após ser derrotada por Ronda Rousey na disputa do título peso galo em dezembro de 2013, Miesha deu a volta por cima e venceu quatro lutas seguidas, contra Liz Carmouche, Rin Nakai, Sara McMann e Jessica Eye.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments