Nick Diaz provoca Bisping e inglês propõe acerto de contas no octógono

Norte-americano disse que britânico foi nocauteado por Anderson Silva, que respondeu com desafio

Diaz (dir.) e Bisping (esq.) trocaram farpas nas redes sociais. Foto: Produção SUPER LUTAS (Divulgação)

Diaz (dir.) e Bisping (esq.) trocaram farpas nas redes sociais. Foto: Produção SUPER LUTAS (Divulgação)

Uma verdadeira guerra de palavras teve início no último fim de semana entre os dois últimos adversários de Anderson Silva. Após a vitória de Michael Bisping sobre Anderson no UFC Londres, o falastrão Nick Diaz não pensou duas vezes e foi às redes sociais provocar o britânico, mencionando o polêmico final do terceiro assalto – no qual ele ficou semi-nocauteado após uma joelhada voadora.

Veja Também

Assista aos melhores momentos da derrota de Anderson Silva para Michael Bisping
Bisping: ‘Vitória sobre Anderson Silva foi o maior momento da minha carreira’
Jon Jones crava: ‘Se tivesse sido mais agressivo, Anderson teria vencido’

“Quando você permanece invicto em casa, mesmo depois de ter sido nocauteado”, diz o meme divulgado por Diaz, que foi derrotado por Anderson em janeiro do ano passado (em luta que acabou tendo seu resultado revertido em um no contest após os testes antidoping positivos do brasileiro) no qual aparece uma foto de Bisping fazendo um brinde.

A resposta de Bisping veio à altura e com direito a um desafio para o rival, propondo um acerto de contas no octógono. “Ei, Nick Diaz, vi que você está falando m***. Não fique chateado porque eu bati alguém que você não conseguiu. Achei que você era mais legal que isso, mas obviamente estava errado. Quando acabar sua suspensão, vamos sair na mão. Fui derrubado, mas venci a luta. Não fique com inveja, não vale a pena”, disparou.

Aos 36 anos, Michael Bisping tem um cartel profissional de 28 vitórias e sete derrotas. Com o triunfo sobre Anderson, o britânico engatou três vitórias consecutivas e deve subir na divisão de pesos médios. Já Nick Diaz, de 32 anos, possui um retrospecto de 26 vitórias, nove derrotas e duas lutas sem resultado. O “Bad Boy de Stockton” atualmente está suspenso pela Comissão Atlética de Nevada após ser flagrado pela terceira vez em um exame antidoping pelo uso de maconha.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments