Jones revela que sua mãe teve perna amputada antes do UFC 197

Apesar de dramas pessoais e de longo tempo afastado, norte-americano considera ter tido ‘performance extraordinária’ contra OSP

J. Jones enfrenta Cormier no UFC 200. Foto: Josh Hedges/UFC

J. Jones enfrenta Cormier no UFC 200. Foto: Josh Hedges/UFC

Novo campeão interino dos meio-pesados do UFC, Jon Jones passou por verdadeiros maus bocados antes de sua luta contra Ovince St. Preux, no último sábado (23). Além de seus problemas com a justiça e do fato de que estava afastado havia 15 meses, o norte-americano também viveu um drama familiar na semana do combate, com sua mãe passando por graves problemas de saúde.

Veja Também

Em volta discreta, Jon Jones bate St. Preux e fatura cinturão interino no UFC 197
Cormier analisa atuação de Jones no UFC 197: ‘Sem chance de me vencer’
Câmera flagra críticas de córner a performance de Jones no UFC 197

Em coletiva de imprensa realizada nesta quarta-feira (27), em Nova York (EUA), Jones revelou que a semana anterior ao UFC 197 não foi nada fácil para ele. “Eu passei por muita coisa antes da minha luta. Minha mãe está em uma batalha contra diabetes e teve uma perna amputada na semana da luta. No mesmo mês da minha luta, eu estive na cadeia”, lembrou o norte-americano.

Mesmo assim, Jones conseguiu participar normalmente do combate e derrotou St. Preux na decisão dos juízes. Muitos consideram que Jones teve uma apresentação decepcionante, mas o próprio lutador discorda. “ Ele me acertou dois socos em 25 minutos. Foi isso. Ele não me atingiu, não me machucou. Me senti bem com a luta. Tem momentos em que queremos ser impressionantes, mas aquela eu tentei lutar com inteligência. Agora, estou aqui, sem lesões, e pronto para lutar no UFC 200. Acho que foi uma performance extraordinária, e vai ser ainda melhor contra Daniel Cormier”, explicou.

No início de abril, Jones chegou a ficar alguns dias na cadeia depois de desrespeitar os tempos de sua liberdade condicional. Agora, ele retornará ao octógono no dia 9 de julho, quando enfrenta Cormier na luta principal do UFC 200 pelo cinturão definitivo da categoria até 93 kg.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments