Wand ameaça Sonnen: ‘Posso te meter a mão na cara’

Brasileiro não gostou de história contada por falastrão sobre o TUF Brasil 3 e chama rival de ‘mentiroso’ e ‘cara de pau’

Wand (dir.) e Sonnen (esq.) deveriam ter se enfrentado no UFC após treinarem o TUF.  Foto: UFC

Wand (dir.) e Sonnen (esq.) deveriam ter se enfrentado no UFC após treinarem o TUF. Foto: UFC

Mais de dois anos se passaram desde a polêmica terceira temporada do TUF Brasil, mas os treinadores daquela edição, Wanderlei Silva e Chael Sonnen, seguem trocando farpas públicas. Desta vez, o brasileiro respondeu a uma história contada recentemente pelo norte-americano e mandou um aviso bem claro: “Posso ir aí e te meter a mão na cara”.

No início da semana, em entrevista ao podcast “The MMA Hour”, Sonnen contou uma história que teria se passado nos bastidores da gravação do programa, no início de 2014. Segundo o falastrão, Wanderlei não queria mais participar da atração, mas acabou mudando de ideia quando Sonnen lhe mostrou seu gordo saldo bancário.

Veja Também

Wand se assusta com atropelamento: ‘Poderia ter morrido’
Médico ‘entrega’ que Wand voltará a lutar no Novo PRIDE
Chael Sonnen abre as portas para trilogia com Anderson Silva
Empresário garante que Sonnen pode voltar ao MMA por ‘luta certa’

Wanderlei, então, gravou um vídeo em seu Facebook desmentindo a história contada por Sonnen e dando sua versão dos fatos. “Ele tem a cara de pau de vir e contar uma história que não aconteceu. Quando começou o programa, meu primeiro ato foi o seguinte: falei para ele ‘vira para essa câmera e pede desculpas pelo que você falou do país, senão eu não trabalho com você’. Aí ele disse: ‘Não vou pedir. Acho esse país uma porcaria mesmo e não vou pedir’. Então, eu falei que não gravaria o programa e saí. Ficamos conversando com diretores e o pessoal do programa até que meu técnico, Rafael Cordeiro, chegou para mim e falou: ‘Wanderlei, você vai poder resolver essa bronca da melhor maneira: dentro do ringue. Você vai poder bater nele. Volte e faça esse programa não por ele, mas pelos atletas’. Respeito muito meu mestre e vi que ele estava certo”, contou Wanderlei.

O veterano continuou: “Agora ele quer vir contar essa história de que ele mostrou seu contracheque, sua conta bancária? Que papo é esse? Sonnen, você é um frouxo. Você está se escondendo atrás do contrato com o UFC, porque você ainda está amarrado a esse evento. Eu consegui me libertar e vou lutar em outros eventos. Estamos em eventos diferentes, mas vivemos no mesmo mundo. Eu não aceito que falem mentiras a meu respeito. Posso ir aí e te meter a mão na cara, seu folgado”, completou.

Apesar da longa rivalidade, Wanderlei e Sonnen nunca tiveram a oportunidade de resolver suas diferenças no octógono. Os dois se enfrentariam no UFC 175, em julho de 2014, mas a luta caiu devido a acontecimentos que tiveram importantes consequências em suas carreiras: Sonnen foi flagrado no antidoping pré-luta e se aposentou, enquanto que Wand fugiu de um exame e acabou suspenso de lutar em Las Vegas – o que culminou também em sua saída do UFC.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments