Mesmo após doping, Lesnar considera retorno ao UFC

Norte-americano reconhece que precisa ‘passar por alguns desafios’, mas não descarta voltar a competir no MMA

Lesnar retornou com vitória ao UFC. Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC

Lesnar retornou com vitória ao UFC. Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC

Veja Também

USADA não pediu urgência para exame de Lesnar para o UFC 200
Brock Lesnar é flagrado em antidoping surpresa antes do UFC 200
Hunt cobra respostas do UFC após novo doping de Lesnar

Mesmo depois de ter sido flagrado em diferentes exames antidoping na época da luta que fez no UFC 200, no mês passado, Brock Lensar ainda considera a possibilidade de um dia voltar a competir no MMA profissional.

Aos 39 anos de idade, Lesnar caiu nos testes pelo uso de bloqueadores de estrogênio. A Agência Antidopagem dos Estados Unidos (USADA) prevê uma punição de dois anos a quem cometer a irregularidade. Mesmo assim, Lesnar acredita que um dia poderá voltar a lutar no UFC. “Aos fãs que me viram no octógono, agradeço pelo apoio. Esta tem sido uma trajetória turbulenta, mas vou passar por tudo isso bem. E haverá um dia, talvez, que eles vão me ver de volta ao octógono”, disse, em entrevista ao site “TMZ Sports”.

Porém, diante da impossibilidade de isso acontecer em um futuro próximo, Lesnar se concentra em sua carreira no pro-wrestling. “Tenho que passar por alguns desafios antes de voltar lá [ao UFC]. Não sei. No momento, vou focar em minha carreira no WWE. Eu queria voltar ao octógono e vingar minha derrota para a diverticulite. Agora enfrento Randy Orton no SummerSlam e é isso que tenho em mente”, revelou.

No UFC 200, Lesnar retornou ao MMA após mais de quatro anos afastado e venceu Mark Hunt na decisão dos juízes. Porém, devido ao exame antidoping positivo, a vitória deverá ser anulada.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments