McGregor ironiza cinturão de Aldo e almeja carreira no boxe

Conor afirma que ainda continua sendo o campeão de duas categorias no UFC; irlandês voltou a falar sobre carreira no boxe

McGregor se tornou o primeiro lutador a conquistar dois cinturões simultâneos no UFC. (Foto: Getty Images)

McGregor se tornou o primeiro lutador a conquistar dois cinturões simultâneos no UFC. (Foto: Getty Images)

Conor McGregor, enfim, comentou sobre a decisão do UFC, que lhe tirou o cinturão dos pesos penas e elegeu, automaticamente, José Aldo como o novo campeão linear da categoria. Irônico, como de costume, McGregor disse não ligar para a perca da cinta, e garantiu que ainda é o campeão de duas divisões diferente.

Veja Também

McGregor recebe licença para lutar boxe na Califórnia
Mayweather: ‘É um desrespeito comparar McGregor a mim’
McGregor rebate críticas de Mayweather: ‘Diga na minha cara’

“Existe isso de o UFC estar tentando tirar meu cinturão. Mas isso não aconteceu. Os títulos são meus, estão na minha casa agora. Ainda sou campeão mundial em duas divisões. Alguém terá que tirá-los de mim fisicamente. Leio as matérias, vejo os sites, mas o cinturão ainda está comigo. Os títulos estão na minha casa. Você (Aldo) pode brincar com esses cinturões de mentira o quanto quiser. O José foi nocauteado e o Eddie foi nocauteado. Vocês estão olhando para o campeão mundial em dois pesos. É isso. Direi isso ao UFC. Amo a companhia, mas vocês não enganam ninguém com isso. Mas ok, boa sorte com isso”, declarou o lutador, em uma sessão de perguntas e respostas na cidade de Belfast (IRN).

Conor também reiterou seu desejo de migrar para o boxe. O irlandês, que recentemente conseguiu a licença para atuar no estado da Califórnia, voltou a citar um confronto contra Floyd Mayweather, considerado um dos melhores pugilistas de todos os tempos.

“Com a ética de trabalho que eu tenho, focado somente no boxe, ninguém pode falar o que eu poderia alcançar. Eu não entraria lá só para aparecer, entraria lá para nocauteá-lo, e é isso. Ele pode ser acertado. Ele já foi acertado antes. A idade chega para todos também, então eu sei que eles sabem disso. Sei que o tamanho está do meu lado, a envergadura está do meu lado e a juventude está do meu lado. Então eles têm muito a perder, então sei por que eles estão recusando. O McGregor conseguiu sua licença para o boxe “Ah, o Floyd está nas Bahamas, ele não dá a mínima”. Eles estão recusando agora, mas tudo bem. Vou deixar eles assim. Tenho outras oportunidades no boxe, outros oponentes na cabeça, alguns adversários que o Floyd já enfrentou. Posso conseguir trazer qualquer um do esporte, então vamos ver o que acontece”, concluiu.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments