Marreta nocauteia nas preliminares do UFC 213 e desafia Mousasi

Brasileiro brilhou com nocaute no segundo round e pediu revanche contra o número quatro do ranking dos médios do UFC

T. Marreta (esq) vence de novo (Foto: Reprodução/Instagram/UFC)

T. Marreta (esq) vence de novo (Foto: Reprodução/Instagram/UFC)

O brasileiro Thiago Marreta conseguiu importante vitória na porção preliminar do UFC 213 ao nocautear Gerald Meerschaert no segundo round do duelo entre os dois. Foi o segundo triunfo seguido do peso médio, que mostrou ter se recuperado das derrotas sofridas para Gegard Mousasi e Eric Spicely no ano passado.

Veja Também

Amanda Nunes está fora do UFC 213 após ser hospitalizada
VÍDEO: Assista à batalha entre Justin Gaethje e Michael Johnson

Com a saída de Amanda Nunes do evento, o peso galo Douglas D’Silva teve sua luta com Rob Font movida para o card principal, deixando Marreta como único representante brasileiro nas preliminares do UFC 213. E ele não decepcionou. Com excelente performance, não deu chance para Meerschaert.

Destaque também para a performance de Belal Muhammad, que após perder o primeiro assalto para Jordan Mein, conseguiu plantar o experiente striker canadense no chão, usando seu wrestling para tomar conta do restante da luta. Os estreantes Trevin Giles e Cody Stamann também foram bem nas duas primeiras lutas da noite, vencendo James Bochnovic e Terrion Ware, respectivamente.

A luta

T. Marreta consegue mais uma nocaute (Foto: Reprodução/Instagram/UFC)

T. Marreta consegue mais uma nocaute (Foto: Reprodução/Instagram/UFC)

O primeiro round começou com muita trocação entre os dois, mas o norte-americano pressionava e tomava o centro do octógono, conseguindo vantagem. Meerschaert chegou a quedar o brasileiro, que logo conseguiu se levantar. Após confronto na grade, Marreta sofreu uma cotovelada que abriu um corte profundo em sua cabeça. O brasileiro pareceu acordar com o sangue escorrendo e começou a ser mais agressivo, acertando duros golpes no rival.

Porém, um dedo no olho de Marreta interrompeu o duelo por alguns momentos, e ele perdeu a chance de nocautear Meerschaert, que resistiu até o fim do round. No segundo assalto, porém, o brasileiro entrou melhor fisicamente, imprimiu forte ritmo e, após sequência de socos no ground and pound, obrigou o árbitro a interromper o combate.

Após o duelo, Marreta aproveitou a entrevista com o comentarista Joe Rogan para desafiar Mousasi. Os dois duelaram no UFC 200, quando o brasileiro entrou para a luta com poucas semanas de preparo.

“Quero lutar com Mousasi. Eu o respeito muito, mas da última vez tive pouco tempo para me preparar. Faço qualquer coisa para enfrentá-lo novamente. Preciso de três meses dessa vez para me preparar adequadamente e enfrentá-lo novamente”, comentou.

Resultados do UFC 213

 

CARD PRELIMINAR 

Peso pesado: Alexey Oliynyk venceu Travis Browne por finalização (mata-leão) aos 3m44s do R2

Peso meio-médio: Chad Laprise venceu Brian Camozzi por nocaute técnico a 1m27s do R3

Peso médio: Thiago Marreta venceu Gerald Meerschaert por nocaute técnico aos 2m04s do R2

Peso meio-médio: Belal Muhammad venceu Jordan Mein por decisão unânime (2x 29-28, 30-27)

Peso pena: Cody Stamann venceu Terrion Ware por decisão unânime (2x 30-27, 29-28)

Peso meio-pesado: Trevin Giles venceu James Bochnovic por nocaute aos 2m54s do R2

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments