Após nocaute brutal em brasileiro, russo ironiza Nate Diaz: ‘Fuma muito’

Taisumov, que nocauteou brutalmente Felipe Silva no UFC Roterdã, mostrou desejo de enfrentar Nate Diaz, mas ironizou o bad boy

Taisumov aplicou nocaute brutal em Felipe (Foto: Reprodução/Twitter UFC)

Taisumov aplicou nocaute brutal em Felipe (Foto: Reprodução/Twitter UFC)

Mairbek Taisumov vai, passo a passo, provando que merece ser olhado com mais atenção na categoria dos leves (até 70kg). Após nocautear de forma brutal o brasileiro Felipe Silva no UFC Roterdã, disputado no último sábado (02), o russo, que chegou ao seu quinto triunfo seguido, voltou a pedir uma oportunidade de enfrentar algum oponente ranqueado na divisão, dentre eles está Nate Diaz, número 6 no ranking, e que não luta desde agosto de 2016, quando foi superado na revanche por Conor McGregor. No entanto, ‘Beckan’, como é conhecido, ironizou um possível duelo contra o bad boy norte-americano, citando o famoso vício do lutador em fumar maconha.

Veja Também

Trator garante vitória brasileira nas preliminares do UFC Roterdã; Felipe Silva sofre nocaute brutal
Lutador brasileiro é preso por roubar banco em Nova York

Michael Chiesa disse que se eu vencesse alguém mais ele iria querer lutar comigo. Mas desde que eu venci três caras consecutivos, ele não me responde mais. Anthony Pettis disse que eu não sou famoso suficiente para lutar com ele. (Nate) Diaz diz que ele é o melhor. Ele diz que se o UFC pagar 20 milhões ele vai lutar comigo na cidade dele, mas acho que ele fuma muito”, declarou o russo, em entrevista ao Ultimate logo após o nocaute sobre Felipe.

Aos 29 anos, Taisumov estreou no UFC em 2014, quando superou Tae Hyun Bang por pontos. Na sequência, foi derrotado por Michel Trator no mesmo ano, mas de lá para cá emplacou uma impressionante sequência de cinco vitórias, todas por nocaute. Ao todo, ele tem um cartel com 26 resultados positivos e cinco negativos.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments