Brunson, Munhoz e Capoeira ganham bônus de performance no UFC SP

Finalização e nocaute renderam a brasileiro e norte-americano cheque extra de US$ 50 mil

Brunson faturou 50 mil dólares extra por vitória (Foto:Reprodução/Instagram UFC)

Brunson faturou 50 mil dólares extra por vitória (Foto:Reprodução/Instagram UFC)

Em uma noite recheada de interrupções no UFC São Paulo deste sábado (28), o brasileiro Pedro Munhoz e o norte-americano Derek Brunson se destacaram e ganharam os prêmios de Performance da Noite para o evento. Munhoz superou um começo ruim para finalizar Rob Font no fim do primeiro round, enquanto Brunson precisou de apenas dois minutos e meio para nocautear Lyoto Machida na luta principal do show. Os dois receberão um bônus de US$ 50 mil por seus esforços.

Veja Também

Após terceiro nocaute seguido, Marreta pede luta contra Brunson
Lyoto Machida frustra torcida e é nocauteado por Brunson no UFC São Paulo

Além do peso médio e do peso galo, outros dois atletas ganharam um cheque extra por suas performances: Max Griffin e Elizeu Capoeira fizeram uma grande luta, vencida pelo brasileiro na decisão unânime e ganharam o prêmio de Luta da Noite. O lutador da CM System atordoou Griffin no fim do primeiro round e quase o nocauteou. Porém, o adversário de Capoeira voltou melhor no segundo assalto e também aplicou um knockdown no brasileiro. No último assalto, Elizeu se recuperou e levou para casa mais uma vitória.

O UFC São Paulo aconteceu neste sábado no Ginásio do Ibirapuera. Na luta principal, Lyoto Machida foi nocauteado no primeiro round por Derek Brunson, enquanto Demian Maia acabou dominado por Colby Covington e perdeu na decisão unânime. Apesar disso, o evento contou com vitórias de nove dos 12 brasileiros envolvidos – além de Lyoto e Demian, apenas Hacran Dias foi derrotado.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário