Luan Miau volta aos treinos em um mês e mira nova luta pelo título do Brave

Lutador sofreu uma contusão no cotovelo segundos antes do fim da luta contra Lucas Mineiro no Brave 11

Miau espera voltar a lutar pelo cinturão do Brave. Foto: Divulgação

Dos males, o menor. Após sofrer uma lesão no braço nos últimos segundos da luta principal do Brave 11, o peso leve Luan Miau recebeu uma boa notícia dos médicos. Ele ficará afastado por apenas quatro semanas, enquanto se recupera de um problema no ligamento do cotovelo esquerdo. Neste período, o lutador precisará usar um protetor na região e depois fará fisioterapia, quando já poderá começar a ter movimentos menos restritos no braço.

Veja Também

‘Serei melhor que a Ronda’, afirma Luana Pinheiro após a vitória no Brave
Carlos Condit não garante retorno ao UFC: ‘Talvez meu tempo tenha passado’
Rival se machuca e Léo Santos encara Nik Lentz no UFC Utica

Enquanto descansa após a batalha com o amigo e campeão interino peso leve do Brave, Lucas Mineiro, Miau já está de olho em novo duelo pelo cinturão em breve.

“A expectativa agora é voltar a lutar pelo cinturão. Mostrei do que sou capaz, sei que não perdi porque meu oponente foi superior, mas por uma lesão, por um erro meu. Todo mérito para o meu amigo Lucas “Mineiro”. Fizemos uma grande luta e tiramos onda. Agora vou me dedicar à fisioterapia, mas não vou ficar parado. Enquanto meu cotovelo estiver curando, vou treinar perna, entre outras coisas. Essa é a minha vida, não consigo ficar parado”, comentou Luan, que ficou feliz com a repercussão do duelo, tido como um dos melhores da história do Brave Combat Federation.

“Fiquei amarradão com a luta. Dei o meu melhor, a vitória não veio, mas estou feliz mesmo assim. A repercussão foi muito bacana, com certeza, estou muito feliz, dei o meu melhor e isso está sendo reconhecido. Não imaginei que teria essa repercussão”, disse.

O peso leve brasileiro sofreu uma lesão no cotovelo esquerdo enquanto defendia uma queda de Lucas Mineiro no quinto round do duelo válido pelo cinturão interino até 70 kg da organização barenita. Caso o duelo fosse até o fim, Miau seria coroado o campeão, uma vez que dois dos três juízes laterais vinham marcando 39×37 para o representante da CM System antes da interrupção.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário