Michael Chandler sobre possível luta contra Khabib: ‘Venceria dez vezes em dez lutas’

Ex-campeão do Bellator garante que pode vencer atual campeão peso leve do UFC

Chandler (dir.) cogita luta contra Khabib no UFC. Foto: Reprodução / Instagram

Michael Chandler conquistou sua segunda vitória consecutiva, na última sexta-feira (13), no cage circular do Bellator. O triunfo diante de Brandon Girtz marcou o fim de seu contrato com o evento. Em busca de um melhor acordo, o lutador aproveitou a oportunidade e especulou sobre uma possível luta contra Khabib Nurmagomedov, o atual campeão do UFC.

Veja Também

Garbrandt acusa Dillashaw de doping e esquenta clima para revanche
‘Serei melhor que a Ronda’, afirma Luana Pinheiro após a vitória no Brave
Rafael dos Anjos provoca Colby Convigton: ‘Quer pular fora da luta’

Confiante, Chandler disse que não pensa em contrato pelos eventos, mas pelos caras que pode enfrentar. O norte-americano garante ter o estilo perfeito para frear Khabib, que tem 26 vitórias em 26 lutas. Segundo ele, as falhas apresentadas pelo russo no combate contra Al Iaquinta no UFC 223, no último dia 07, seriam aproveitadas por suas virtudes dentro da luta.

“Eu não penso em eventos, penso nos caras que posso enfrentar. Como faria para enfrentar o Khabib? Faço exatamente o que Al Iaquinta fez, exceto com minha quedas, meus socos e minha defesa de queda”, afirmou.

“Como eu defenderia as quedas encurtaria a distância e botaria minhas mãos nele? Como Michael Johnson fez? Eu acho que já pintaram esse quadro algumas vezes. Acho que eu o venço em dez de dez vezes”, completou o confiante lutador.

Apesar de especular um possível acordo com o UFC, Chandler disse que sua prioridade é renovar com o Bellator.

“Não tenho intenções de deixar o Bellator. Veremos o que acontece, mas não acredito que exista interesse em ir para outro lugar que não seja Bellator ou UFC. Obviamente, estou muito feliz onde estou. Mas não se passa um dia sem que eu pense sobre o progresso da minha carreira”.

Michael Chandler de 31 anos, vem sobre vitorias sobre o brasileiro Goiti Yamauchi e o norte-americano Brandon Girtz. Ele perdeu o cinturão do Bellator, pois se contundiu no meio de sua defesa de título contra Brent Primus, em junho de 2017

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário