Joanna Jedrzejczyk afirma que subirá de categoria se for campeã peso palha novamente

Mesmo com duas derrotas consecutivas, Jedrzejczyk aceitou voltar ao octógono em menos de 4 meses

Próxima oponente de J. Jedrzejczyk é Tecia Torres no UFC On FOX 28 (Foto: Reproducao/Facebook Joanna Jedrzejczyk)

Joanna Jedrzejczyk foi a campeã do peso palha durante dois anos e teve quatro defesas de cinturão até enfrentar Rose Namajunas em novembro de 2017. A lutadora polonesa foi nocauteada no UFC 217. A revanche ocorreu em abril de 2018, no UFC 223, onde Jedrzejczyk perdeu novamente para Namajunas. Após as derrotas, Joanna decidiu que irá subir para a categoria peso mosca, mas não antes de ser campeã peso palha novamente.

Em entrevista ao programa ‘The MMA Hour’ na segunda-feira (07), a lutadora polonesa afirmou que subirá de divisão. “Sim, eu pensei nisso. Mas, primeiro, o meu plano é recuperar o meu cinturão. Depois que eu for campeã novamente, eu subirei de categoria”, revelou.

Veja Também

Joanna Jedrzejczyk enfrenta Tecia Torres no UFC Calgary
Vídeo: Assista à vitória de Rose Namajunas sobre Joanna Jedrzejczyk
UFC 223: Namajunas volta a bater Joanna, defende cinturão e crava: ‘Eu sou a melhor’

Após três meses de sua última luta com Namajunas, Joanna entra no octógono para enfrentar Tecia Torres no UFC Calgary no dia 28 de julho. Jedrzejczyk gostaria de ficar mais alguns meses sem lutar, mas aceitou o confronto. “Na verdade, eu não estava pensando em lutar tão cedo logo após aquela luta. Mas eu sou maluca, essa é a minha vida. Está no meu sangue. Uma semana depois eu já conversei com o Dana e avisei que estaria pronta para lutar no final de agosto ou início de setembro. Então, eles vieram com a proposta de fazer essa luta no Canadá e eu aceitei em dois minutos. Isso é o que eu faço. Antes de ser campeã eu estava acostumada a lutar de quatro em quatro meses”, disse a ex-campeã peso palha.

Joanna iniciou no MMA em 2012 e tem um cartel de 16 lutas, sendo 14 vitórias e duas derrotas para a norte-americana, Rose Namajunas.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário