Treinador de Yoel Romero admite que considerou jogar a toalha no UFC 225

O cubano teve um grande desgaste e não ouvia mais os treinadores, entre o terceiro e quarto rounds, assim a equipe cogitou abandonar a luta

Y. Romero afirma que teve apenas uma hora extra para perder peso durante a pesagem. Foto: Reprodução/Facebook UFC

O campeão dos pesos médios, Robert Whittaker e Yoel Romero fizeram sua revanche durante o UFC 225. A luta seria pelo titulo da categoria, mas o cubano não conseguiu bater o peso. No terceiro round o cubano foi pra cima do neozelandês e segundo o técnico de ‘Soldier of God’ da American Top Team, o lutador estava exausto, não ouvia mais e por esse motivo pensou em jogar a toalha.

Veja Também

Yoel Romero promete processar Comissão Atlética do Estado de Illinois
Yoel Romero não bate o peso e a luta principal não é válida pelo cinturão dos médios
Vídeo: Assista à batalha entre Robert Whittaker e Yoel Romero no UFC 225

“Foi um comentário feito por [Jorge] Masvidal que estava no córner de Romero. Eles notaram que Romero estava exausto e que ele não estava realmente ouvindo ninguém ou prestando atenção, foi quando Masvidal disse a ele ‘meu amigo, são apenas mais cinco minutos, mas se você continuar assim, eu vou jogar a toalha’ quando Romero ouviu a palavra ‘toalha’, levantou-se rapidamente, respirou fundo, deu a volta e depois ficou melhor e pôs a pressão final”, explicou.

A motivação por parte da ATT levou Yoel até o último round, mas não foi suficiente para conquistar a vitória. Mesmo assim, os cinco rounds foram muito disputados entre os atletas, mas o Whittaker venceu por decisão dividida.

Uma próxima luta para completar a trilogia foi considerada, mas Whittaker não tem interesse nisso tão cedo após duas vitórias sobre Romero.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário