Alexander Gustafsson manda recado para Daniel Cormier: ‘luta comigo ou deixa o cinturão’

O sueco considera que o campeão dos meio-pesados deve se manter lutando na divisão dos pesados e com isso deve deixar o cinturão vago

A. Gustafsson (foto) volta ao octógono do UFC, 14 meses após vencer o brasileiro G. Teixeira. Foto: Reprodução/Facebook UFC

Daniel Cormier campeão dos meio-pesados conquistou o cinturão dos pesados com um nocaute sobre Stipe Miocic no sábado durante o UFC 226. Com a vitória, DC desafiou Brock Lesnar e garantiu que Alexander Gustafsson teria que se esforçar para conseguir o título dos meio-pesados.

Em entrevista ao programa “The MMA Hour”, ‘The Mauler’ afirmou que Cormier planeja ficar na categoria dos pesados por algum tempo. Assim, ele deve desocupar o título dos meio-pesados.

Veja Também

Alexander Gustafsson enfrenta Volkan Oezdemir no UFC 227
Cormier diz que ‘lutaria com Shogun’ antes de superluta com Lesnar
UFC 226: Cormier nocauteia Miocic, conquista segundo cinturão e faz história

“Ele está lá em cima agora; ele tem o cinturão dos pesos pesados ​​e tem o cinturão dos meio-pesados. Ele está mantendo o cinturão dos meio-pesados ​​para si mesmo, ele não quer deixar passar. Não sei o que está acontecendo; ele tem que decidir e decidir se quer voltar. Eu só vou bater Volkan e então estou pronto para ele. Talvez ele devesse deixar o cinturão e nos dar, então temos algo pelo que lutar”, afirmou Gustafsson.

Mauler acredita que seu confronto contra Volkan Oezdemir no UFC 227 deveria ser considerada para uma disputa pelo título provisório da categoria. “Eles devem fazer essa luta por um título provisório. Se DC quiser descer, podemos lutar pelo título real. Eles deveriam fazer essa luta pelo título provisório, eu e Volkan – esse é o cara número 1 e o cara do segundo”, explicou.

O lutador sueco deu um ultimato em seu recado para Cormier: “tudo depende de [Cormier]. Ele não pode sentar em seu trono e decidir com quem ele luta ou com quem ele não vai lutar, se ele fizer isso, ele deve simplesmente deixar passar porque eu quero aquele cinturão, é tudo em que eu estou focado depois da luta com Volkan. Ele pode lutar comigo ou deixar o cinto ir, é a única coisa que vou dizer”, concluiu.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário