Cormier diz que ‘lutaria com Shogun’ antes de superluta com Lesnar

Dono do cinturão dos meio-pesados e pesados afirma que não esperaria por Lesnar e aceitaria defender título contra o brasileiro Mauricio Shogun

D. Cormier (foto) se coloca a disposição para encarar Shogun (Foto: Reprodução Instagram ufc)

Daniel Cormier conquistou o cinturão dos pesados no último sábado (07) e ainda no octógono teve o desafio de Brock Lesnar para sua primeira defesa de cinturão. Mas o norte-americano, que também tem posse do título dos meio-pesados, se colocou a disposição até para encarar o brasileiro Mauricio Shogun pelo cinturão de até 93 kg.

Veja Também

Mesmo com derrota, Stipe Miocic embolsa mais de R$ 10 mil por segundo no UFC 226
Brasileiro Felipe Efrain é confirmado no Brave 14
Dana White nega negociações para retorno de McGregor: ‘não estou nem pensando em Conor’

Em entrevista ao podcast “Ariel Helwani’s MMA Show”, Cormier comentou que, caso Lesnar fique liberado para lutar apenas em 2019, devido as testes antidoping prévios realizados pela Agência Antidoping dos EUA (USADA), ele poderia voltar aos meio-pesados e defender o título contra o Mauricio Shogun.

“Eu lutaria com o Shogun (risos). É sério. Lutaria com ele antes. Eu o respeito, ele é uma lenda e vem de vitórias seguidas. Lutaria com ele e depois com o Brock em março e estaria aposentado”, declarou Cormier.

Antes de uma possível luta por cinturão, Mauricio Shogun tem compromisso agendado no Ultimate. Ele encara Anthony Smith na luta principal do UFC Hamburgo, no próximo dia 22. Em caso de triunfo, o paranaense emplacaria a quarta vitória em série e seria um dos principais candidatos a luta pelo título dos meio-pesados.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário