Lutadores reagem à nova polêmica de Jon Jones

Os atletas do Ultimate opinaram por meio de suas redes sociais sobre o quatro resultado positivo no exame antidoping de ‘Bones’ e a mudança do UFC 232 para Los Angeles

J. Jones já foi flagrado em três exames antidoping por uso de cocaína e esteroides. Foto: Reprodução/Facebook jonjones

Dana White pegou o mundo do MMA de surpresa ao anunciar a mudança de local do UFC 232 com menos de uma semana de antecedência. O evento não poderá ocorrer em Las Vegas, pois Jon Jones foi flagrado no exame antidoping no início de dezembro com vestígios de Turinabol, a mesma substância encontrada antes da luta com Daniel Cormier em 2017. Com isso, a Comissão Atlética de Nevada negou a licença para o meio-pesado subir no octógono no estado e o show foi transferido para Los Angeles.

Veja Também

UFC 232 sai de Las Vegas para Califórnia após problema em antidoping de Jon Jones

Os lutadores do Ultimate não perderam a oportunidade e comentaram o assunto por meio de suas redes sociais.

Arquirrival de Jones, Cormier se pronunciou sobre o novo caso de doping do oponente. “Ele testou positivo de novo!”, escreveu ‘DC’ em sua rede social.

“USADA = Piada

Jeff Novitzky = Piada

Andy Foster = Piada

Uma pitada de turinabol em uma piscina olímpica que fica em seu sistema por 18 meses = Piada

NSAC, vocês são legais”, continuou Daniel.

Alexander Gustafsson vai medir forças com Jones pelo cinturão meio-pesados também disparou contra o rival: “Agora todos nós entendemos porque você não aceitou o teste da WADA. Você pode ter combustível de foguete, eu ainda vou vencer, Jon”.

O sueco relembrou a sugestão da Comissão Atlética da Califórnia que Jones fizesse os testes antidoping voluntário na WADA.

Companheiro de Cormier, Khabib Nurmagomedov ironizou o caso de Jones e pediu que seu julgamento na Comissão Atlética de Nevada fosse modificado para a Rússia. O campeão dos leves vai ser julgado pela briga generalizada no UFC 229.

“Transfere meu tribunal para a Rússia, Dana White”, postou Khabib.

Cris Cyborg brincou com a mudança de local do UFC 232: “Alguém conhece um bom agente de viagens?”. A brasileira vai enfrentar Amanda Nunes no evento co-principal do evento agora em Los Angeles.

Jones havia sido flagrado em três exames antidoping por uso de cocaína e esteroides. Em 2018, o ex-campeão dos meio-pesados internou-se em uma clínica de reabilitação, mas admitiu que estava fazendo uso de drogas durante a preparação para o UFC 232.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments