Daniel Cormier afirma: ‘Se Lesnar não for lutar, Stipe é o primeiro da fila’

O campeão dos pesado espera encarar Brock antes de sua aposentadoria em março de 2019, mas se o rival for impedido de lutar, Miocic foi escalado como plano B

D. Cormier deve se aposentar em março de 2019. Foto: Reprodução/Facebook @ danielcormiermma

Daniel Cormier confirmou diversas vez que vai se aposentar aos 40 anos. Entretanto, alguns bons desafios vem surgindo para aumentar seu legado do MMA. Mesmo assim, o campeão dos pesados afirmou que seu última luta no Ultimate será contra Brock Lesnar. Em entrevista ao programa norte-americano MMA Hour, ‘DC’ revelou que se o astro da WWE não for liberado para lutar, Stipe Miocic foi escalado como ‘plano B’.

Veja Também

Dana White quer que Cormier adie aposentadoria para enfrentar Jones
Daniel Cormier chama USADA de ‘piada’ após nova polêmica com Jones
Daniel Cormier é eleito o melhor lutador do ano pela ESPN

” Conversei com Dana White há alguns dias e ele estava falando comigo sobre lutar contra Lesnar, Jon Jones e tudo mais, e eu disse: ‘Se Lesnar não for lutar, Stipe é o primeiro da fila’. Venho dizendo desde o princípio que ele merece. Se não for contra Brock, quero lutar contra Stipe e lhe dar o que lhe é de direito, que é a revanche pelo cinturão. Ele vai perder novamente, mas pelo menos terá a chance de lutar pelo título mais uma vez”, disse Cormier.

Aos 40 anos, Cormier afirmou que se sente capaz de continuar lutando profissionalmente, mas as lesões vem o ‘segurando’ ultimamente. O campeão dos pesados ainda garantiu que a aposentadoria em 2019 foi uma decisão pessoal.

” Eu sempre quis me aposentar das lutas quando completasse 40 anos, e tive alguns problemas com lesões que estão me segurando ultimamente. Eu preferiria estar em condições de treinar e lutar, mas esses problemas não deixam fazer as coisas da forma que eu gostaria. Por isso todas as questões ainda estão no ar. Dana está esperançoso, ele vive me dizendo que posso lutar mais três vezes, que eu sou o cara. E, honestamente, eu poderia lutar. Não sinto que esteja diminuindo o meu ritmo. Eu acabei de me tornar campeão dos pesos-pesados. Não me parece que eu esteja parando… Vamos ver como as coisas acontecerão. Ainda pretendo me aposentar em breve. É uma decisão pessoal que tomei com a minha família. Vamos ver…”, concluiu Daniel.

Daniel Cormier está completando 10 anos como lutador profissional de MMA em 2019. Ele somou 23 combates, sendo 22 vitórias e uma derrota. O norte-americano vem de uma vitória por finalização sobre Derrick Lewis no UFC 230 em novembro do ano passado. Em 2018, ‘DC’ entrou para a história do Ultimate ao se tornar o segundo lutador a conquistar o cinturão em duas categorias simultaneamente.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário