Cejudo desafia Dillashaw pelo título dos galos durante coletiva do UFC Brooklyn

Henry se adiantou e pediu uma segunda luta com TJ pelo cinturão dos galos. Ele ainda solicitou ao presidente do UFC que desse continuidade na divisão dos moscas na organização

H. Cejudo pediu que se vencer o UFC mantenha a categoria. Foto: Reprodução/Youtube ufc

O Ultimate realizou a coletiva de imprensa do UFC Brooklyn no Music Hall of Williamsburg em Nova York (EUA). Henry Cejudo e TJ Dillashaw protagonizaram as principais provocações na tarde de quinta-feira (17). O campeão dos moscas se antecipou ao confronto e desafiou o rival para um segundo duelo, mas dessa vez pelo cinturão dos galos.

Veja Também

Em treino aberto do UFC Brooklyn, Cejudo promete lutar por todos os atletas da divisão
TJ Dillashaw afirma: ‘Eu não me importo com o futuro da divisão dos moscas do UFC’

“Quero fazer mais uma lutra contra TJ Dillashaw, mesmo vencendo no sábado. Mas aí será na outra divisão. Eu vou tomar seu cinturão. Primeiro vou defender minha divisão, depois vou pegar o seu cinturão”, propôs Cejudo.

Henry também pediu ao presidente do Ultimate que mantivesse a categoria dos moscas na organização. O medalhista olímpico propôs a Dana White que se ganhar de Dillashaw ele mantenha a divisão ativa.

“Sei que a divisão dos moscas sensibiliza seu coração, Dana. Por isso podemos fazer um acordo aqui. Se eu ganhar a luta no sábado, você mantém a divisão”, pediu Henry.

Entretanto, o comandante da franquia tentou desconversar e disse apenas: “Vamos ver o que acontece no sábado”.

Ao ouvir o discurso do rival, Dillashaw o interrompeu e provocou: “Esse é seu problema. Você está fazendo pelos outros e eu estou fazendo por mim. Esse é um esporte egoísta”.

No momento da encarada, Cejudo retirou uma cobra falsa de um saco preto e bateu repetidamente no chão do palco. A provocação foi direta ao adversário que tem o apelido de ‘Viper’.

Vídeo: Encarada Henry Cejudo x TJ Dillashaw

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário