Anderson Silva recebe carinho da torcida em treino aberto do UFC 234

Com os gritos de ‘o campeão voltou’ e aplausos, o ex-campeão dos pesos médios fez sua apresentação e agradeceu a torcida presente na Federation Square, em Melbourne (AUS)

A. Silva terminou a apresentação aos gritos de ‘o campeão voltou’. Foto: Reprodução/Instagram @ufcbrasil

O treino aberto do UFC 234 foi realizado nesta quinta-feira (07), na Federation Square, em Melbourne (AUS). O lutador mais esperado foi Anderson Silva que fará seu retorno ao octógono após dois anos afastado. A torcida australiana incentivou o brasileiro durante sua apresentação. Ao encerrar sua participação, ‘Spider’ foi ovacionado com os gritos de ‘o campeão voltou’.

Veja Também

Anderson Silva afirma que luta contra Adesanya ‘será um desafio interessante’
Adesanya garante que sem sua presença no UFC 234 os ingressos não teriam esgotado

O brasileiro foi o terceiro lutador a se apresentar no palco da Federation Square. Anderson bateu manopla e foi aplaudido após conectar uma longa sequência de socos. Depois de alguns minutos, ‘Spider’ cedeu o lugar para Marcos Dhalsim que fará sua estreia na organização contra Lando Vannata.

“Obrigado a todos. Por dois anos não lutei. Amo lutar. Deus me deu mais uma chance e estou aqui por vocês. Israel é um grande lutador, com grande futuro. Quando falo da luta com meus treinadores, eles falam pra eu fazer o melhor que eu posso. Eu treino a vida toda por momentos como esse. Eu tenho três clones em casa e um clone grande aqui. (Marcos) Mariano, venha aqui. Ele é meu real clone. Meu aluno, vai lutar pela primeira vez no UFC. Eu passo todas as minhas habilidades para ele e estou muito feliz de estar no mesmo card que ele”, falou Anderson.

Adversário de Anderson no UFC 234, Israel Adesanya com seu carisma conquistou a torcida presente no treino aberto. O nigeriano foi recepcionado pelos fãs com frieza, mas levantou o público após dar show no palco. Ao fim de sua participação, jogou a camisa e uma luva para a torcida. ‘Last Stylebender’ entregou a outra luva diretamente para o brasileiro Pedro, de 9 anos. Com isso, ele ganhou a torcida do garoto que afirmou que vai torcer para o jovem lutador no sábado.

O desafiante ao cinturão dos médios, Kelvin Gastelum foi recebido com aplausos. No entanto, ao afirmar que vai nocautear Robert Whittaker no primeiro round acabou aborrecendo a torcida que o vaiou.

“Eu amo esse lugar, a comida e a diversidade daqui. É difícil não se empolgar demais, mas preciso manter a cabeça no lugar. Vou nocautear no primeiro round”, disse Gastelum.

O último a se apresentar foi o dono da casa e campeão dos médios, Robert Whittaker. Ao contrário dos outros lutadores, ele fez três rounds de manopla e interagiu pouco com os fãs.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário