Khabib Nurmagomedov avisa Tony Ferguson: ‘Você perdeu a chance de lutar’

Campeão dos leves afirmou que o norte-americano teve chance de lutar pelo título interino e desperdiçou. Agora terá que se credenciar novamente, ou esperar o fim de sua suspensão

K. Nurmagomedov deve ficar fora até novembro de 2019. Foto: Reprodução/Instagram @khabib_nurmagomedov

O Ultimate ofereceu a Tony Ferguson uma disputa do cinturão interino dos pesos leves contra Max Holloway no UFC 236 em Atlant, dia 13 abril. ‘El Cucuy’ não aceitou a oferta, pois quer encarar o campeão linear da categoria, Khabib Nurmagomedov. Em uma postagem no Instagram, ‘The Eagle’ mandou um recado direto ao norte-americano: ‘Você teve sua chance e a desperdiçou e a culpa é toda sua’.

Veja Também

Max Holloway enfrenta Dustin Poirier pelo cinturão interino dos leves no UFC 236
Presidente do UFC acredita que Ferguson merece ser o próximo rival de Khabib

“Quero lembrar a todos que, antes de eu me tornar campeão, estive próximo de disputar o cinturão três vezes, e em todas elas eu perdi essa oportunidade. Primeiro foi em 2016, quando me ofereceram uma luta no mês do Ramadã e eu a recusei. A segunda vez foi no UFC 205, em Nova York, quando me foi oferecida a disputa do cinturão, assinei o contrato, mas a luta foi repassada a outro atleta. Vocês conhecem a história. A terceira vez foi no UFC 209, quando fui hospitalizado e quase morri. Após cada uma dessas vezes eu disse a mim mesmo: ‘Você perdeu sua chance, agora a reconquiste com mais uma vitória'”, disse Nurmagomedov.

“Tony, você teve sua chance e a desperdiçou, e a culpa é toda sua. Você sabe que eu não posso lutar, e não é justo que o meu cinturão seja retirado. eu lutei três vezes em nove meses. Conquistei meu cinturão e o defendi. Você merece uma disputa de título. é um grande lutador e oponente, mas agora você tem que lutar, ou esperar que minha suspensão acabe e que lutemos (embora o UFC não queira que isso aconteça). Não entendo suas ofensas. Se você caiu, tem que se levantar, e não reclamar”, concluiu Khabib.

A Comissão Atlética de Nevada (NAC) puniu o campeão dos leves com multa de US$ 500 mil e suspensão de nove meses devido à briga generalizada no UFC 229 em outubro do ano passado. Entretanto, a pena pode ser reduzida para seis meses caso Khabib promova alguma ação antibullying no estado de Nevada (EUA).

Nurmagomedov afirmou que iria permanecer suspenso até novembro de 2019 em apoio aos seus companheiros de equipe. Quem não gostou nada disso foi o presidente do UFC, Dana White. O comandante da franquia ameaçou retirar o cinturão do russo se ele não voltar a lutar em abril.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

I want to remind you guys, that before I become champion, I was close to the title fight 3 times and all 3 times I missed my opportunity. First was in July 2016 when I was offered to fight in Ramadan month and I turned it down, second was UFC 205 NYC when I was offered a title fight, bout agreement signed, but my title was given away, you know the story. Third time was UFC 209 where I was hospitalized and almost died. But after every single fail I were said: you missed your chance, earn your shot with one more victory. Tony you had your chance and you missed it, and that’s your fault only. You know that I’m disqualified and can’t fight, but it’s not fair to strip me off the title, I fought 3 times in 9 months. I won and defended my belt. As a fighter you deserve a title fight, you are great fighter and opponent, but now you have to fight or wait for my DQ to be over and fight(but UFC doesn’t want it). I don’t understand your offenses, if you fell down, you got to get up, not complain. #ufc #mma #ufclightweight

Uma publicação compartilhada por Khabib Nurmagomedov (@khabib_nurmagomedov) em

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário