Thiago Marreta revela que lutou com joelho lesionado no UFC Praga

Após vitória na República Tcheca, o brasileiro contou que pensou em desistir do duelo com Blachowicz depois de machucar o joelho direito nos treinamentos para o evento

T. Marreta venceu por nocaute no terceiro round. Foto: Reprodução/Instagram @ufc_brasil

Thiago Marreta com atuação espetacular nocauteou Jan Blachowicz no terceiro round da luta principal do UFC Praga, no último sábado (23). Com o triunfo, o brasileiro somou a quarta vitória consecutiva e pediu uma disputa de cinturão dos meio-pesados. Contudo, em entrevista ao Ultimate, ele revelou que pensou em desistir do duelo após sofrer uma lesão no joelho direito durante os treinamentos para o evento.

Veja Também

UFC Praga: Marreta vence Blachowicz e pede chance por cinturão contra Jon Jones: ‘Eu vou chocar o mundo’
VÍDEO: Assista o nocaute de Thiago Marreta sobre Jan Blachowicz no UFC Praga
Treinador de McGregor recebe suspensão de sete meses por briga generalizada no UFC 229

“Semana passada, uma semana antes da luta, eu não estava conseguindo andar direito. Tive uma lesão no meu joelho, no menisco, eu não aguentava andar direito, quanto mais treinar. Então, semana passada fiquei só cuidando da lesão. Fisioterapia, médico… E, agora essa semana também, tive um mal estar no estômago nesses últimos dois dias. Agora há pouco, antes de entrar para a luta, no vestiário, eu estava vomitando”, contou Marreta.

Apesar dos problemas, Thiago subiu no octógono motivado e em busca de mais um vitória para seu cartel. Ao sagrar-se vencedor da luta principal, Santos admitiu que ficou emocionado por superar os reveses fora do cage.

“Vomitei duas vezes ali escondido para ninguém ver que eu estava passando mal. Só os meus treinadores que estavam vendo, que estavam ali comigo. Então, foram duas semanas difíceis. E tudo isso influencia na sua cabeça. Você não fica 100 %. Eu sabia que eu não estava 100 %. Então, quando consegui a vitória fiquei muito emocionado por ter superado tudo isso”, concluiu Thiago.

Marreta chegou ao Ultimate após participar do TUF Brasil 2 em 2013. No entanto, Thiago nada se parece com o estreante da organização. Após a mudança para os meio-pesados, o brasileiro vem enfileirando vitórias e pode estar próximo de disputar o cinturão da categoria. Ele tem um cartel de 21 vitórias e seis derrotas no MMA.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário