Próximo de aposentadoria, Minotouro ainda sonha com trilogia contra Shogun

Aos 42 anos, lenda do MMA mira um terceiro combate contra compatriota antes de pendurar as luvas

Shogun (esq.) e Minotouro (dir.) fazem revanche no Rio. Foto: Inovafoto

Rogério Minotouro, declarou o desejo de realizar uma terceira luta contra o ex-campeão dos meio-pesados, Maurício Shogun. O anúncio aconteceu na última quinta-feira (28), na coletiva de imprensa do UFC 237, no Rio de Janeiro. A grande motivação de Rogério é o fato de não concordar com o resultado da última batalha, no UFC 190, que terminou com Shogun vencendo por pontos em decisão unânime.

Veja Também

Vídeo: Assista à primeira encarada de Rose Namajunas e Jéssica Bate-Estaca
José Aldo diz que pode reconsiderar aposentadoria por disputa de cinturão
Warlley Alves enfrenta Serginho Morais no UFC 237

“Eu gostaria muito ainda de fazer uma luta contra Maurício Shogun. Eu não concordo com o resultado da última luta. Gostaria de lutar com ele de novo antes de encerrar minha carreira”, disse Minotouro.

Os veteranos já se enfrentaram duas vezes. No primeiro embate,  para muitos uma das melhores lutas da história do MMA, aconteceu no extinto Pride, em 2005, onde Shogun também se sagrou vencedor por pontos. Próximo de seguir os passos do irmão, o ex-campeão peso pesado do Ultimate, Rodrigo Minotauro, Rogério sugeriu um possível terceiro embate contra Maurício.

Os dois lutadores passaram por momentos instáveis na organização. Tanto Shogun quanto Rogério perderam cinco lutas das últimas 10 disputadas no UFC. No entanto, ambos vêm de vitória na companhia.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário