Jacaré cogita se aposentar caso não receba chance pelo cinturão do UFC

Brasileiro, número três no ranking dos médios, encara Yoel Romero, primeiro na classificação, no próximo dia 27 de abril

R. Jacaré cogita aposentadoria caso não dispute o cinturão. Foto: Reprodução/Facebook ufcbrasil

Ronaldo Jacaré, anunciou que pode se aposentar do MMA, caso não receba uma chance de disputar o cinturão da categoria peso médio (84 kg).  O anuncio foi feito em entrevista ao programa ‘Ariel Helwani’s MMA Show’. O ex-campeão do Strikeforce tem luta marcada com Yoel Romero, atual número um da divisão, no UFC Fort Lauderdale e, se vencer o cubano, espera ser o novo desafiante ao título.

Veja Também

Após pesagem tranquila, Edson Barboza confirma luta principal do UFC Filadélfia
Tyron Woodley e Robbie Lawler fazem aguardada revanche no UFC Minnesota
Próximo de aposentadoria, Minotouro ainda sonha com trilogia contra Shogun

Caso realmente se aposente, Jacaré revelou que deseja abrir uma academia de jiu-jitsu. O capixaba é bi-campeão mundial da modalidade no peso absoluto.

“Eu quero esperar a minha grande chance (disputa do cinturão dos médios). Se o UFC não me der minha chance, eu quero abrir uma escola de jiu-jistu”, declarou o lutador. “Estou aqui para ser campeão, sabe? Eu quero ser campeão. Se não me derem a disputa de cinturão ou botarem outro no meu lugar, vou me aposentar”, finalizou o atleta.

Jacaré e Romero já se enfrentaram em 2015, no UFC 194, no qual o brasileiro foi derrotado por decisão dividida dos juízes. Na ocasião, Ronaldo era um dos principais favoritos à luta pelo título, porém, com a derrota, caiu no ranking e acabou perdendo espaço entre os possíveis desafiantes.

O brasileiro chegou ao Ultimate em 2013, e, logo em sua primeira luta, utilizou uma de suas armas principais para finalizar seu oponente, o norte-americano Chris Camozzi, no UFC Jaraguá . Com status de grande promessa na divisão, Jacaré permaneceu invicto na organização por cinco lutas, até o confronto com Romero.

Uma das grandes esperanças de Jacaré era poder realizar a tão esperada revanche contra o norte-americano Luke Rockhold, que, em 2011, havia desbancado o brasileiro e conquistado o cinturão da divisão dos médios do Strikeforce.

Hoje, com 39 anos, Jacaré passou por algumas dificuldades na categoria. O brasileiro foi derrotado em três situações em que, caso vencesse, seria um desafiante em potencial ao título. Além de Romero, o capixaba foi derrotado pelo australiano Robert Whittaker, atual campeão da divisão, e Kevin Gastelum.

Ronaldo Jacaré ocupa, atualmente, a terceira posição no ranking dos médios. Ele soma 12 lutas no UFC e nove vitórias. Em seu último embate, o capixaba derrotou Chris Weidman por nocaute no UFC 230.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments