Brock Lesnar ‘perde’ cinturão da WWE e praticamente garante retorno ao UFC

O atleta está em negociações para enfrentar Daniel Cormier pelo título dos pesos pesados da organização

B. Lesnar pode retornar ao UFC em agosto. Foto: Reprodução/Facebook BrockLesnar)

O gigante Brock Lesnar perdeu seu cinturão do WWE (World Wrestling Entertainment), na noite do último domingo (7), no Wrestlemania 35. Após se apresentar no evento, o norte-americano saiu derrotado do show e praticamente garantiu seu retorno ao UFC, já que não pode atuar pelas duas organizações. O ‘Campeão Universal’ da WWE passa a ser o Seth Rollings.

Veja Também

Tito Ortiz anuncia novo retorno ao MMA
Irmão de Erick Silva impressiona Dana White e recebe chance no UFC
Perto do segundo título, Max Holloway crava: ‘Não luto pelos cinturões’

No ano passado, após conquistar o cinturão dos pesos pesados do Ultimate sobre Step Miocic, no UFC 226, Daniel Cormier, desafiou o ex-campeão da divisão, Brock Lesnar. Brock, que estava presente no evento, subiu ao cage e protagonizou uma encarada tensa junto ao adversário. Desde então, os rumores sobre um possível embate entre os atletas são especulados pela imprensa mundial.

Brock se tornou famoso pelo seu impressionante vigor físico e por se apresentar em uma das principais organizações de luta livre do mundo.

Em 2007, Lesnar, finalmente, realizou sua estreia no MMA, enfrentando o sul-coreano, Min-Soo Kim, no K-1 Dynamite. Menos de um ano depois, o norte-americano assinou contrato com o Ultimate e realizou sua primeira luta na organização, contra Frank Mir, no UFC 81. Na ocasião, Brock saiu derrotado por finalização logo no primeiro round.

Após o debute no UFC, Lesnar lutou por mais sete vezes na companhia. Em uma delas, conquistou o cinturão dos pesados ao nocautear a lenda Randy Couture, no UFC 91. O gigante ainda defendeu seu título por duas vezes, mas veio a perdê-lo quando enfrentou Cain Velasquez e foi nocauteado no primeiro round.

Brock não luta pela modalidade desde setembro de 2016, no embate com o neozelandês, Mark Hunt. De início, Lesnar saiu vencedor da luta, mas acabou falhando no exame antidoping, tendo, assim, alterado o desfecho da ‘batalha’ para ‘sem resultado’.

Muita polêmica envolve o retorno de Brock Lesnar ao UFC pela disputa direta do cinturão, uma vez que o lutador sequer está ranqueado na organização.

A data para que o embate ocorra está sendo cogitada, segundo o site ‘Ag.Fight’, para o UFC 241, que acontece no dia 17 de agosto. O local ainda não foi definido, mas Las Vegas (EUA) pode ser o local escolhido.

Brock Lesnar atualmente está com 41 anos e possui um cartel de nova lutas, cinco vitórias, três derrotas e uma luta sem resultado.

O campeão peso pesado, Daniel Cormier, de 40 anos, soma em seu cartel um total de 23 lutas, 21 vitórias, uma derrota e uma luta sem resultado (Jon Jones falhou no teste antidoping após a luta contra Daniel, no UFC 214, pelo título dos meio-pesados).

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário