Vídeo: Ex-técnico de Anderson Silva é acusado de agredir ex-aluno no Paraná

Diógenes Assahida agrediu o ex-aluno, Ulisses Teodoro, porque ele trocou de academia; caso aconteceu em Campina Grande do Sul, região metropolitana de Curitiba'

D.Kamikaze agride ex-aluno próximo na rua. Foto: Reprodução/Facebook diogenes.assahida

O ex-treinador de Anderson Silva, Diógenes Assahida, se envolveu em uma briga com um ex-aluno no último fim de semana. Um vídeo com as imagens da agressão foi divulgado pelo site ‘Tribuna’. Na ocasião, os envolvidos se desentenderam e chegaram às vias de fato na rua, na região metropolitana de Curitiba (PR).

Veja Também

Wilson Reis acredita que divisão dos moscas deve acabar até julho
Paulo Borrachinha recebe punição de R$36 mil de comissão atlética
Max Holloway admite ter passado por depressão nos últimos anos

Diógenes ‘Kamikaze’ (de camisa branca), como é conhecido, afirmou que o homem agredido, Ulisses Teodoro, se trata de um ex-aluno de sua academia, que acabou se mudando para outra equipe. Ulisses caminhava pela rua acompanhado de uma mulher, quando foi abordado por Diógenes. Os dois, então, entraram em confronto.

Em outro vídeo, o treinador de 60 anos explicou que se irritou com o fato de Teodoro, de 24, passar pela rua trajando uma camisa com a estampa da academia rival. Ele ainda disse que foi como um pai para o atleta.

“Eu fui um pai para ele. Um pai que ele não teve. Protetor. Dando conselho bom. Eu fui mestre do cara. O cara passou para outra academia falando mal de mim e se vangloriando, mas ele não sabe que quem ensinou fui eu”, disse Diógenes.

Em entrevista ao site ‘Bem Paraná, Ulisses disse que Kamikaze exigia que ele tirasse a camisa.

Entre os profissionais da luta existe a regra de que não se deve entrar em conflitos na rua. Todos os embates devem ser feitos segundo as regras de qualquer modalidade de forma profissional e segura.

Após a confusão, Ulisses Teodoro realizou um boletim de ocorrência contra o ex-treinador.

Vídeo: Ex-professor de Anderson Silva agride ex-aluno na rua

Após o incidente, o treinador explicou seu lado da história. Veja abaixo.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário