Israel Adesanya responde a Paulo Borrachinha: ‘Vou pegá-lo antes que a USADA o pegue’

Brasileiro havia provocado o nigeriano nas redes sociais após o resultado do UFC 236, em que o peso médio se tornou campeão interino da categoria

I. Adesanya responde a provocação de P.Borrachinha. Foto: Reprodução/Youtube ufc

O novo campeão interino dos médios (até 83,9kg.), Israel Adesanya, respondeu às provocações do brasileiro Paulo Borrachinha. O nigeriano rebateu as declarações de Paulo no programa ‘The MMA Hour’. Na ocasião, Borrachinha escreveu em uma rede social que Israel era um falso campeão, minimizando a conquista do atleta.

Veja Também

Ex-UFC morre ao ser atropelado após discussão no Pará
Lutador do UFC é detido na Espanha após roubar táxi e danificar quarto de hotel
MC Guimê estreia como córner, mas vê derrota de amigo no Future FC

“Campeão falso? Ele tem um cinturão? Ele gostaria de ser um campeão falso também”, ironizou Adesanya. “Ele não foi pego por alguma coisa recentemente, como Açaí no estômago ou algo assim? Eu só quero pegá-lo antes que a USADA o pegue eventualmente”, retrucou o nigeriano.

Recentemente, Borrachinha foi cortado da luta principal do UFC Fort Lauderdale, em que enfrentaria o compatriota Ronaldo Jacaré, no próximo final de semana. Paulo, porém, foi retirado do evento e reportou que havia ingerido um medicamento para desconforto estomacal. Na ocasião, Borrachinha recebeu uma punição de US$9,3 mil (cerca de R$36 mil) da Comissão Atlética de Nova York (EUA).

Os lutadores deverão aguardar, caso queiram dividir o octógono para uma futura luta. Segundo o presidente do Ultimate, Dana White, o próximo compromisso de Israel será contra o campeão linear dos médios, Robert Whittaker, pela unificação do título da divisão. O embate deve acontecer no fim do ano. Adesanya, no entanto, se mostrou aberto a um possível duelo contra o brasileiro.

“Se ele subir no ranking, como ele pensa que vai subir, então, eventualmente nos enfrentaremos”, finalizou o campeão interino.

Borrachinha é considerado por muitos uma grande promessa do Brasil no esporte, porém, o atleta não luta desde julho do ano passado, quando derrotou Uriah Hall por nocaute no UFC 226.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário