Conor McGregor participa de evento beneficente de boxe amador na Irlanda

Irlandês surpreende público presente e se apresenta em duelo de quatro rounds, que terminou em empate

C.McGregor participa de evento beneficente de boxe na Irlanda. Foto: Reprodução/Instagram @thenotoriousmma

O irlandês Conor Mcgregor surpreendeu aos fãs ao participar de um evento beneficente de boxe amador na Irlanda. O lutador se apresentou no 27º ‘The Good Friday Boxing Show’, no último final de semana, em Dublin (Irlanda). McGregor utilizou suas redes sociais para publicar sobre o ocorrido.

Veja Também

Israel Adesanya responde a Paulo Borrachinha: ‘Vou pegá-lo antes que a USADA o pegue’
Ex-UFC morre ao ser atropelado após discussão no Pará
Lutador do UFC é detido na Espanha após roubar táxi e danificar quarto de hotel

“A Escola de Execlência, Crumlin Boxing Club. A escola de duros golpes para os amadores. Mas uma escola de excelência a todos os que já passaram por aqui. Verdadeiros irlandeses, homens e mulheres duros. Esse lugar nunca revelou um lutador fraco. Que lugar.”, publicou Conor.

O evento aconteceu no intuito de arrecadar fundos para a formação de novos lutadores de boxe. Em sua apresentação surpresa, McGregor havia sido anunciado com o nome de ‘A. Another’. Na luta, o ‘Notorious’ duelou durante quatro rounds. Ao final, o árbitro da luta levantou o braço dos dois combatentes, anunciando um empate.

O irlandês ficou bastante conhecido no mundo da nobre arte após conseguir realizar uma luta contra o lendário multi-campeão mundial de boxe Floyd Mayweather, em 2017. Na ocasião, os dois atletas conquistaram cifras milionárias em duelo que aconteceu em Las Vegas (EUA). No embate, Conor saiu derrotado por nocaute no 10º assalto.

No último mês, McGregor foi pivô de uma grande polêmica envolvendo o russo, Khabib Nurmagomedov. Os dois se ofenderam em suas redes sociais promovendo um momento lamentável de ataques pessoais. Conor, no mesmo mês, chegou a anunciar sua aposentadoria do MMA. Poucos dias depois, no entanto, voltou atrás e deu a entender que pode, sim, voltar a lutar pelo UFC.

A última apresentação do irlandês aconteceu em outubro do ano passado, quando foi derrotado por Khabib por finalização em disputa pelo cinturão dos leves (até 70,3kg.), no UFC 229, em Las Vegas (EUA). Desde então, o atleta tem se dedicado a promover sua marca de Whisky e, vez ou outra, polemizar nas redes sociais.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário