Nocaute em Jacaré rende bônus de performance a Whittaker

Finalização do campeão Johnson sobre Wilson Reis também foi premiada, assim como luta entre Tim Elliott e Louis Smolka

R. Whittaker (esq) surpreendeu R. Jacaré (dir) (Foto: Josh Hedges/UFC)

R. Whittaker (esq) surpreendeu R. Jacaré (dir) (Foto: Josh Hedges/UFC)

Pouco depois de chocar o mundo ao nocautear o brasileiro Ronaldo Jacaré, Robert Whittaker ficou US$ 50 mil mais rico. O neozelandês recebeu o bônus de Performance da Noite no UFC Kansas por sua supreendente vitória sobre o amazonense e volta para casa com um polpudo cheque. No seu último combate, em que venceu Derek Brunson, também por nocaute, Whittaker havia recebido dois bônus: o de performance e o de luta da noite.

Veja Também

D. Johnson agora tem dez defesas de cinturão (Foto: Josh Hedges/UFC)
UFC Kansas: Johnson vence Reis, defende cinturão e iguala recorde de Anderson Silva
R. Jacaré (dir) perdeu para R. Whittaker (esq) (Foto: Josh Hedges/UFC)
UFC Kansas: Jacaré perde para Whittaker e adia sonho por cinturão
K. Vieira comemora vitória no UFC Kansas (Foto: Josh Hedges/UFC)
UFC Kansas: Ketlen Vieira vence, mas Augusto Tanquinho perde para Sterling

Desta vez, o melhor combate eleito pelo próprio UFC foi entre os pesos moscas Tim Elliott e Louis Smolka. Os dois fizeram um duelo bastante movimentado, cheio de giros, pegadas de costas e tentativas de finalização. A batalha no chão foi premiada pelo Ultimate, com o vencedor Elliott e o perdedor Smolka também recebendo US$ 50 mil.

Tradicionalmente, o UFC dá dois prêmios de Performances e prioriza as lutas mais importantes do evento. Apesar de nomes como Rose Namajunas, que finalizou Michelle Waterson, e Zak Cummings, que apagou Nathan Coy, terem tido excelentes atuações, o bônus ficou mesmo com Demetrious Johnson. O campeão peso mosca dominou Wilson Reis por quase 15 minutos, antes de finalizá-lo com uma chave de braço faltando 11s para o fim do terceiro round. Além de igualar o recorde de defesas de título de Anderson Silva, com 10, o Mighty Mouse também vai para casa US$ 50 mil mais rico.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário