Thiago Marreta relata dificuldades em rotina após cirurgia nos joelhos: Muitas dores’

Brasileiro afirma que sente muitas dores e vida tem sido afetada por conta das medicações

T. Marreta posa de muletas. Foto: Reprodução/Instagram @tmarretamma

O brasileiro Thiago Marreta definitivamente não tem passado por um momento fácil em sua vida. Depois de impressionar o mundo em uma grande performance no duelo contra Jon Jones, pelo cinturão dos meio-pesados (até 93kg.), no início de julho, o lutador da Cidade de Deus (RJ) sofreu sérias lesões nos joelhos e teve de ser submetido à cirurgia. Uma semana após o procedimento, o atleta relatou, em sua conta no Twitter, as dificuldades vividas no processo de recuperação.

Veja Também

Cris Cyborg responde a provocações de Dana White: ‘Nunca pisou em um octógono’
Dana White fala sobre nova polêmica de Jon Jones: “Toda vez que ele luta, imagino que será a última”
Anderson Silva recebe cidadania norte-americana: ‘Este é meu país agora’

“Já são 7 dias após as cirurgias nos meus joelhos. Admito que são dias difíceis e sentindo muita dor. Não consigo dormir ou comer direito por causa das medicações. Tenho medo até de ir ao banheiro, porque para andar até o banheiro é uma luta. Graças a Deus as dores estão diminuindo”, escreveu o atleta.

Após o embate contra Jones, Marreta rompeu totalmente o ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo, sofreu uma fratura na tíbia, além de rompimentos parciais no ligamento colateral medial e menisco. No direito, o atleta teve uma intervenção no menisco. A previsão é que a recuperação de Thiago dure cerca de oito meses. O atleta, então, poderá voltar ao octógono apenas em 2020.

Antes da lesão, Marreta vinha em ótima fase na carreira. Após subir de categoria, o brasileiro, que deixou os médios (até 83,9kg.) para se aventurar entre os meio-pesados, mostrou que tem condições de se apresentar em melhor nível e atuar de igual para igual contra adversários de renome. Contra Jones, o lutador, que era considerado azarão na maioria das casas de apostas, impressionou os entusiastas do MMA ao proporcionar a Jones um grau de dificuldade no combate acima do que o público está acostumado a ver.

Durante cinco rounds, os atletas trocaram golpes duros e levantaram o público presente no UFC 239. O resultado final, no entanto, foi decidido pelos juízes, que declararam ‘Bones’ como o vencedor do confronto.

 

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário