Amigo pessoal, Velasquez acredita que Cormier volta a enfrentar Miocic: ‘Acho que ele quer a revanche’

Ex-campeão dos pesados afirma que não conversou com Daniel sobre o futuro, mas crê em ambição do companheiro de equipe de recuperar título

D. Cormier (esq.) e C. Velasquez cultivam amizade antiga. Foto: Reprodução/Instagram @officialcainvelasquez

O norte-americano Daniel Cormier recebeu recentemente um duro golpe na carreira. Conhecido por ser um dos melhores atletas do MMA de todos os tempos, o lutador sofreu sua segunda derrota na carreira ao tentar defender seu cinturão dos pesados na revanche contra o compatriota, Stipe Miocic, no UFC 241. Abalado pelo revés, o lutador, de 40 anos, não confirmou se irá solicitar a revanche ou pendurará as luvas. Cain Velasquez, amigo e parceiro de treino, comentou ao ‘MMA Fighting’ acreditar que parceiro pedirá a revanche em algum momento.

Veja Também

Massaranduba encara Bobby Green no UFC São Paulo, em novembro, diz site
Vindo de duas derrotas, Serginho Moraes retorna o octógono no UFC São Paulo, em novembro, diz site
Com semblante sério, Jéssica bate peso e garante defesa de título contra Weili Zhang

“Eu acho que ele quer voltar e fazer a revanche contra Stipe. Se ele quiser fazer isso, então estou com ele 100%”, afirmou Cain.

Embora seja amigo de Cormier já há algum tempo, Velasquez confessou que ainda não teve a oportunidade de conversar com Daniel sobre o assunto. O lutador também lembrou que, além da derrota sofrida há quase duas semanas, o peso pesado perdeu o padrasto dias depois, vítima de câncer.

“Sabe, ele ainda não me disse nada do que ele quer fazer, e eu não perguntei a ele.  Eu estava, de alguma forma, perto daquela luta, e minhas orações com a sua família. Ele acabou de perder o pai. Então ele está em um estado (emocional) difícil”, disse o ex-campeão.

Caso DC opte, de fato, por voltar a lutar, Velasquez acredita que ele poderia sair vencedor de um novo duelo contra Stipe, a quem Daniel bateu em julho do ano passado na disputa pelo mesmo cinturão. Caso isso ocorra, Cain afirmou que estará apoiando o amigo do início ao fim.

“Eu acho que ele pode voltar e vencer Stipe (Miocic), com certeza. Eu acho que ele tem todas as armas. Se ele quer fazer isso, ele pode, mas ele não tem que provar nada para ninguém. Acho que ele é o único que tem que tomar essa decisão, e ele vai. Uma vez que ele tomar, o que quer que ele decida, apoiarei,” finalizou Cain.

Com quase 10 anos completados de dedicação ao MMA, Cormier já disputou 25 combates e foi derrotado em apenas duas ocasiões. O atleta é ex-campeão do extinto ‘Strikeforce’, além de ter sido detentor do título dos meio-pesados (até 93kg.) do Ultimate, o que o torna um dos seletos atletas a ostentarem dois títulos em categorias diferentes no UFC.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments