Dana fala sobre nova luta de Nate Diaz: ‘Talvez não o vejamos pelos próximos três anos’

Mandatário brinca sobre a possibilidade de um novo combate para o norte-americano e diz não saber quando o atleta retorna ao octógono

D. White (dir) e N. Diaz (esq). Foto: Reprodução/Youtube UFC

O norte-americano Nate Diaz realizou com sucesso seu retorno ao octógono no último mês. O atleta, que estava parado há três anos, voltou ao Ultimate e conseguiu superar as expectativas ao bater Anthony Pettis na luta co-principal do UFC 241. Após o triunfo, o lutador desafiou Jorge Masvidal para um confronto. Dana White, presidente da empresa, brincou que Nate pode retornar, novamente, só daqui a três anos, como ocorrido anteriormente. A declaração foi feita em entrevista recente à ‘ESPN’.

Veja Também

Após briga na rua, Dana White aposenta BJ Penn no UFC: ‘Não luta mais aqui’
Vindo de derrota, Pantoja volta ao octógono contra Matt Schnell, em dezembro, diz site
Khabib confessa plano para vencer Poirier: ‘Vou cansá-lo e finalizá-lo’

Nate Diaz lutou uma vez nos últimos três anos. Quando eu penso em grandes acontecimentos, eu nem imagino Nate. Ele é uma daquelas situações estranhas que nós podemos ouvir sobre por outros três anos”, declarou o chefão.

Antes de aceitar o combate contra Anthony Pettis, ex-campeão dos leves (até 70,3kg.), Diaz havia entrado ao octógono após aceitar uma revanche contra Conor McGregor, a quem havia chocado o mundo ao derrotar em 2016, aceitando um combate de última hora.

As duas lutas contra o irlandês renderam a Nate um bom retorno financeiro e, segundo o lutador, nenhum outro atleta estava a altura para fazê-lo retornar ao UFC. O norte-americano afirma com todas as letras que já havia batido todos os adversários em potencial da divisão dos leves. Pensando assim, o lutador optou por subir de categoria e tentar a sorte entre os meio-médios (77kg.).

Ao optar por enfrentar o ‘Showtime’, Diaz afirmou que o atleta é uma lenda e segue atuando em alto nível. Dentro do octógono, no entanto, Pettis foi presa fácil para Nate, que dominou o confronto durante todos os rounds e venceu na decisão unânime dos juízes.

Após o combate, o folclórico lutador desafiou Jorge Masvidal, que prontamente aceitou o convite. Jorge vem de uma ótima vitória sobre Ben Askren, a quem submeteu ao nocaute mais rápido da história do Ultimate, no UFC 239, em julho.

Recentemente, Diaz fez uma publicação em uma rede social em que aparece, aparentemente, treinando boxe em uma academia. O atleta, pela imagem, mantém a forma física e, caso haja acordo entre todas as partes, pode retornar mais breve do que a última vez.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments