Jon Jones enfrenta Dan Henderson em setembro

Jon Jones comemora vitória sobre Rampage (Foto: UFC)

A agenda do mais jovem campeão da história do UFC segue agitada. Depois de defender o cinturão dos meio-pesados com sucesso no UFC 145 contra Rashad Evans, Jon Jones já sabe quando terá seu próximo compromisso com a organização.

O presidente do UFC Dana White confirmou em seu Twitter que Jones enfrentará Dan Henderson no dia 1º de setembro, em Las Vegas. O chefão não informou o evento, mas é provável que o encontro seja a luta principal do UFC 151.

Este será o primeiro combate valendo título que Jones fará na capital mundial das lutas, o que mostra que o UFC já o considera uma estrela de primeira grandeza. “Bones” tomou o cinturão de Maurício Shogun no UFC 128, disputado na cidade de Newark, no estado de Nova Jersey. Em seguida ele defendeu o título contra Quinton Jackson no UFC 135, ocorrido em Denver, Colorado. A segunda defesa, contra o brasileiro Lyoto Machida, foi realizada na cidade canadense de Toronto, no UFC 140. Já o compromisso contra Evans aconteceu em Atlanta, capital do estado americano da Geórgia.

A vitória de Jones sobre Evans foi sua sétima consecutiva desde a desclassificação contra Matt Hamill, único revés da carreira do campeão. A luta marcou também sua quarta vitória seguida sobre um ex-campeão do UFC e a terceira defesa do cinturão com sucesso.

O veterano Henderson, que terá 42 anos no dia da luta, vem de 7 vitórias nos últimos 8 encontros, com combates válidos pelas categorias dos médios, meio-pesados e pesados. No intervalo ele perdeu a disputa do cinturão dos médios do Strikeforce para Jake Shields, tomou o título dos meio-pesados de Rafael Feijão e bateu a lenda Fedor Emelianenko. Recontratado pelo UFC, venceu Maurício Shogun no UFC 139, numa luta épica, considerada por muitos uma das melhores da história do MMA.

Comentários

Uma resposta para “Jon Jones enfrenta Dan Henderson em setembro”

  1. Nelson disse:

    Com certeza será uma grande luta, principalmente porque Hendo está muito motivado para lutar desde a vitória em cima de Shogun, – que na minha opnião deveria ter sido empate – e na última defesa do cinturão contra Rashad Evans, não vi Jon Jones muito motivado. Vai ser um grande desafio para Hendo e acho que ele pode tirar o cinturão de Bones.

Deixe um comentário