Em caso de vitória no UFC 244, Jennifer Maia quer luta pelo cinturão das moscas

Brasileira, que enfrenta a primeira do ranking, Katlyn Chookagian, neste sábado, pede para enfrentar Valentina Shevchenko, se triunfar

J. Maia espera vitória no UFC 244. Foto: Reprodução/Instagram @jennimaiaufc

Uma brasileira pode estar próxima de disputar o cinturão das moscas (até 56,7kg.). Jennifer Maia, que enfrenta Katlyn Chookagian no card preliminar do UFC 244, que acontece neste sábado (2), em Nova York, quer desafiar a atual campeã de sua categoria, Valentina Shevchenko, caso triunfe sobre a adversária deste final de semana. A declaração foi feita em entrevista ao ‘Combate’.

Veja Também

Recuperado de fratura no nariz, Mike Perry retorna ao octógono no UFC 245
Dana White confirma que Khabib deve enfrentar Ferguson no início de 2020: ‘Nada está atrapalhando’
Walker revela que vai ‘pegar leve’ com Anderson e diz que quer lutar três rounds no UFC 244

“A cada luta que eu assisto da Valentina, sinto que estou chegando mais perto de lutar contra ela. Acho que seria o justo a Valentina, depois dessa, não é?”, disse a curitibana.

A atleta, no entanto, tem ciência que terá um desafio perigoso neste final de semana. A lutadora irá encarar a primeira colocada no ranking da divisão e que tem apenas duas derrotas na carreira.

“Claro que penso em uma luta de cada vez. Estou focado nessa agora, mas, caso a vitória venha, o próximo passo espero que possa ser a Valentina. Eu mentalizo a vitória e penso, sim, em pedir a Valentina. Mentalizo isso”, declarou a peso mosca.

Maia terá a seu favor o fato de vir de duas vitórias consecutivas. Em boa fase, a combatente espera, no entanto, escrever um roteiro diferente de seus últimos dois compromissos, quando saiu vitoriosa na decisão dos juízes.

“Claro que é muito melhor terminar a luta antes de deixar na decisão dos juízes. Todas as minhas últimas lutas têm sido por pontos. Então, faz tempo que eu não consigo terminar antes. Seria sensacional terminar antes, mas estou preparada para três rounds, como sempre. Vou deixar rolar a luta. Sei que as últimas lutas dela foram em pé, ela se mantém em pé, e as minhas lutas também foram assim”, afirmou.

A última vitória de Jennifer que não foi para as mãos dos juízes aconteceu em 2015, quando a curitibana aplicou um nocaute em Marta Souza, pelo Samurai FC 12. Todos os compromissos da brasileira, incluindo a derrota para a veterana Liz Carmouche, foram resolvidos por pontos.

Com 31 anos de idade, Maia, hoje, quinta colocada no ranking das moscas, soma 22 lutas na carreira, com 17 vitórias e cinco derrotas.

Chookagian, de 30, tem 14 combates, 12 triunfos e dois reveses.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments