Com luta neste sábado, Klidson Abreu quer frustrar russos e conquistar segunda vitória no Ultimate

Peso pesado realiza sua terceira luta pela empresa e espera bom triunfo sobre Shamil Ganzatov no UFC Moscou

K. Abreu após vitória pelo UFC. Foto: Reprodução/Instagram @klidsonabreu

Neste sábado (9), o brasileiro Klidson abreu terá um dos desafios mais complicados do UFC Moscou, na Rússia. O atleta terá de encarar, além de um duro oponente, Shamil Ganzatov, invicto e que faz sua estreia pela companhia, o público agitado e entusiasmado do país rival. Mesmo com a adversidade, o manauara afirma que está preparado para o tempo ruim que possa surgir dentro do octógono. Em entrevista ao ‘Combate’, o peso pesado falou sobre a expectativa para o confronto.

Saiba mais

Recuperado de derrota, Walker quer retorno em dezembro: ‘Quero voltar o mais rápido possível’
Médico que interrompeu luta entre Diaz e Masvidal confirma ameaças após decisão: ‘Temo pela minha segurança’
Após derrota no UFC 244, Nate Diaz recebe três meses de suspensão médica

“Tenho o maior respeito por todos os russos. Todas as vezes que vim lutar aqui, foi uma guerra. Tenho certeza que sábado vai ser uma guerra também. Estou bem preparado. A minha última luta com o Sam Alvey me deu uma experiência melhor em pé. Agora, vim aqui para a Rússia e sair na mão. É o que eu faço de melhor. Já vim aqui duas vezes e ganhei. Vamos para a terceira!”, comentou o combatente.

A apresentação deste final de semana marcará a terceira vez em que o brasileiro sobe ao octógono apenas em 2019 e a segunda em que enfrenta um lutador russo calçando as luvas do Ultimate. Embora tenha sido derrotado por Magomed Ankalaev, em fevereiro, em seu debute, o manauara afirma que está pronto para seu desafio de sábado e garantiu ter corrigido os erros passados.

“Desta vez estou bem preparado. Falo dessa vez porque, da outra vez, fui contratado para lutar com um russo (Magomed Ankalaev) em Praga, e acabei tendo um desfoque. Perdi na minha estreia. Desta vez, estou 100% treinado. Fiz meu treinamento lá na ATT (American Top Team) sob o comando do Conan Silveira. Estou bem feliz, cheguei aqui na Rússia e já dei um treino’, confessou o brasileiro.

Para conseguir o resultado positivo diante de uma torcida que estará torcerá contra, Abreu terá, também, que superar um adversário invicto e que, provavelmente, irá vender caro o confronto. Shamil Ganzatov realizará seu debute pela companhia após 13 confrontos atuando como profissional de MMA.

O russo de 29 anos é conhecido por seu poder de nocaute e qualidade no jogo de chão.

Com apenas três derrotas na carreira, Klidson tem o jiu-jitsu como arma principal. Das suas 15 vitórias na carreira, 10 foram através da ‘arte suave’; quatro por nocaute e uma na decisão dos juízes.

 

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário