Holly Holm encara Raquel Pennington no UFC 246, diz site

Em janeiro, norte-americanas reeditam duelo realizado em 2015, em que a ex-campeã foi declarada vencedora na decisão dividida dos juízes

H; Holm (foto) em ação pelo UFC. Foto: Reprodução/Facebook @ufc

Conforme os dias passam, o UFC 246 vem ganhando atrações e se aproxima de ser, logo no início de 2020, um grande espetáculo. Após confirmar o retorno de Conor McGregor, que trava a luta principal do evento contra Donald Cerrone, Holly Holm, outra ex-campeã da empresa, pode ter sua presença oficializada no card de Las Vegas (EUA). A atleta vai enfrentar Raquel Pennington e reeditar um combate realizado em 2015. A informação foi divulgada pelo ‘MMA Junkie’.

Saiba mais

Colby Covington volta a atacar Dana White: ‘Não tenho nada de bom para falar dele’
Jairzinho vive expectativa para luta contra Overeem: ‘Uma vitória me aproxima do título’
Ngannou oferece passagem e desafia Volkov para luta no UFC 246, em janeiro

Quando enfrentou Raquel, Holm não passava de uma grande promessa que estreava no Ultimate. Conhecida pela sua qualidade no boxe e invicta na carreira no MMA, a norte-americana tinha o papel de fazer confirmar que havia chegado ao UFC para ficar.

No confronto que marcou uma das lutas do UFC 184, Holly e Pennington travaram um combate equilibrado e, após três rounds de disputa, os juízes deram o resultado para a ‘Filha do Pastor’ na decisão majoritária.

Após o confronto, Holm precisou de mais uma vitória até assinar o contrato para realizar a grande luta da sua vida, quando encarou e chocou o mundo ao bater a, até então, inquestionável Ronda Rousey. O sucesso de Holly como campeã não durou muito, já que, logo em sua primeira defesa, a norte-americana acabou batida por Miesha Tate. Mesmo com um reinado curto, Holly conquistou muitos fãs depois de ter batido Ronda.

Embora tenha levado mais tempo, Raquel também chegou a disputar o cinturão das galos (até 61,2kg.). A norte-americana conseguiu chegar ao topo da categoria depois de conquistar quatro triunfos consecutivo e garantiu o direito de desafiar Amanda Nunes, que já figurava como campeã em maio do ano passado.

Na disputa contra a baiana, Pennington acabou se tornando mais uma das vítimas da força da pojucana, que aplicou um nocaute na norte-americana no quinto round.

Na revanche contra Raquel, Holly terá o dever de tentar recuperar a boa fase na carreira. Desde que perdeu seu título, a atleta tem encontrado dificuldades em emendar uma boa sequência de vitórias. Nos últimos sete compromissos, Holm foi derrotada em cinco oportunidades.

Raquel vem de vitória sobre Irene Aldana e precisa de um triunfo para tentar retornar ao topo da categoria. Hoje, a norte-americana ocupa a sexta posição.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário