Usman ironiza McGregor entre os meio-médios: ‘Imaginem o que eu faria com ele’

Campeão da divisão minimiza chances do irlandês entre os mais pesados e acredita que ‘aposentaria’ atleta em eventual combate

K. Usman ostenta cinturão. Foto: Reprodução/Instagram @ufc_brasil

Ex-campeão de duas categorias do Ultimate (penas e leves), Conor McGregor está próximo de se testar mais uma vez na divisão dos meio-médios (até 77kg.). Contra Donald Cerrone, o irlandês irá retornar ao octógono após mais de um ano afastado do MMA. O compromisso do ‘Notório’ chamou atenção do campeão da categoria, Kamaru Usman, que ironizou as chances de Conor, que afirmou que toparia lutar pelo título no futuro. Em entrevista ao ‘MMA Fighting’, o nigeriano falou sobre as chances de McGregor entre os mais pesados.

Veja Também

Masvidal pressiona McGregor: ‘Se não quiser lutar, me deixe em paz’
Claudinha Gadelha assume relacionamento com ring girl do UFC
Dana White pede respeito a Cerrone antes de confronto contra McGregor

“Seria um desperdício. Se ele ficar mais forte, tudo pode acontecer. Luta é luta. Qualquer coisa pode acontecer, mas, sendo realista, é um tremendo desperdício. Eu acho que eu o machucaria muito”, disse Usman.

O campeão ainda fez questão de reforçar sua ideia partindo da referência obtida da última atuação de Conor, quando o irlandês foi dominado e derrotado por Khabib Nurmagomedov na luta principal do UFC 229, ocorrida em outubro de 2018. Na ocasião, McGregor foi batido na disputa do título dos leves (até 70,3kg.).

“Nós vimos o que Khabib (Nurmagomedov) fez com ele. Ele teve que se afastar por um tempo depois da luta contra Khabib. Agora, imaginem ele me enfrentando. Eu não acho que ele seria visto novamente no esporte”, afirmou.

Mesmo criticando o irlandês em sua categoria, Kamaru não descarta que um duelo contra o ‘Notório’ possa acontecer no futuro. No entanto, o campeão fez questão de fazer ponderações para que o combate pudesse acontecer.

“Conor realmente não faz sentido. Claro, se ele chegar na divisão e vencer alguns caras da elite, se ele conseguir se manter, aí, com certeza, poderíamos realizar um confronto”, finalizou o número um dos meio-médios.

 

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

2 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ricardo De Deus
5 meses atrás

Usman, a questão não é o que vc pode fazer com o McChicken, a questão e o que qualquer lutador que não entre no jogo mental dele faz, vide as duas derrotas para o Diaz (sim, ele perdeu as duas, mas o namorado dele, Grana White, mandou os árbitros lhe darem a vitória na revanche) e principalmente contra o Khabib.

Matheus Gomes
Matheus Gomes
5 meses atrás

Você é pago pra falar bosta ou faz isso de graça mesmo??!? Kkkkkkk