McGregor espera receber R$331 milhões em luta contra Donald Cerrone: ‘Muito feliz’

Irlandês revela cifras astronômicas em acordo que o fez retornar ao octógono para o UFC 246

C. McGregor (foto) receberá cerca de US$80 milhões por luta contra D. Cerrone. Foto: Reprodução/Facebook thenotoriousmma

O ex-campeão dos penas (até 65,7kg.) e leves (até 70,3kg.), Conor McGregor, fez a estimativa de quanto irá receber para o confronto contra Donald Cerrone na luta principal do UFC 246, que acontece neste sábado (18), em Las Vegas (EUA). Segundo o ‘Notório’, ele irá receber a ‘bagatela’ de US$80 milhões (cerca de R$331 milhões) e, em entrevista à ‘ESPN’, falou sobre o ânimo para realizar o confronto.

Veja Também

‘Cara-de-Sapato’ se lesiona e está fora de luta contra Makhmud Muradov no UFC Brasília
‘Bate-Estaca’ mira recuperar cinturão em 2020: ‘Contra Zhang ou Joanna’
Jon Jones confirma torcida para Donald Cerrone no UFC 246

“Fizemos um ótimo contrato. Estou muito feliz e muito empolgado em ver quanto ele irá me render. Foi um novo acordo, e estou confiante que será muito lucrativo. Estimo que eu ganhe US$ 80 milhões (cerca de R$ 331 milhões) nessa luta”, confirmou o irlandês.

Além da motivação financeira, Conor fez questão de ressaltar a ansiedade para retornar ao octógono e encarar um atleta de alto nível e prestígio dentro da organização. Para McGregor, ele e ‘Cowboy’ irão proporcionar um grande espetáculo aos fãs de MMA e honrarão o investimento feito pela empresa.

“Eu e Donald (Cerrone) temos história. É uma luta empolgante, que agrada aos fãs e a mim também. Agradeço a Donald por lutar comigo. Ele já lutou muitas vezes, é um pai de família, com uma avó sensacional. Eu gosto e respeito isso. Também respeito a forma como ele conseguiu fazer parte dessa luta. Há muita coisa envolvida em eventos como esse, e me agrada ver respeito vindo da parte dele. Estou ansioso por fazer uma boa luta. Será uma grande noite. Vou brilhar no sábado”, declarou o ‘Notório’.

Mesmo confirmando a ‘bolada’ que receberá pelo espetáculo deste final de semana, McGregor afirma que os pagamentos não são as principais influências para que ele permaneça dentro do esporte. O lutador disse que continua atuando por amor ao MMA e às competições.

“Para mim, não se trata de lutar por dinheiro. Estou em uma posição na qual tenho muito dinheiro para o resto da vida. Dinheiro nenhum vai matar a minha fome de competir e entreter, e de viver a minha vida da formo como quero, como gosto de viver. Muito dinheiro sem a consciência necessária pode ser perigoso. Não há limites, não há barreiras. Você pode fazer tudo, ir aonde quiser. Hoje eu sei o que quero fazer e o que eu gosto de fazer: lutar. E é isso que vou continuar fazendo. Estou totalmente motivado e nas melhores formas física e mental da minha vida”, disse Conor.

McGregor passou a conhecido no MMA, além de sua qualidade técnica, pela mudança na forma de promover seus combates. O atleta se tornou capaz de trazer mais público para seus confrontos e se tornou uma estrela do esporte, capaz bater recordes de audiência e conquistar títulos.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário