Cigano é nocauteado por Curtis Blaydes na luta principal do UFC Raleigh

Brasileiro amargou sua segunda derrota consecutiva no Ultimate; Blaydes chegou a três triunfos consecutivos na divisão dos pesados

Blaydes conecta joelhada em Cigano. Foto: Reprodução / Twitter@UFC

O aguardado retorno do ex-campeão dos pesos pesados do Ultimate Junior “Cigano” dos Santos acabou frustrado pelo convidado da noite, Curtis Blaydes. Voltando a lutar após mais de seis meses, Cigano não conseguiu encontrar seu jogo, teve dificuldades para conectar sua potente mão direita e acabou surpreendido pelo wrestler Blaydes onde menos esperava, na luta em pé, sendo nocauteado no segundo assalto da luta principal do UFC Raleigh, nesse sábado (25).

Veja Também

VÍDEO: Assista o nocaute de Curtis Blaydes sobre Júnior Cigano no UFC Raleigh
Rafael dos Anjos é surpreendido por Chiesa no UFC Releigh e perde segunda consecutiva
Estreante brasileiro Herbert Burns vence no card preliminar do UFC Raleigh

Com o revés, Cigano amargou sua segunda derrota consecutiva na organização – a última havia sido em junho de 2019 diante de Francis Ngannou. Em sua carreira, o brasileiro acumula 21 vitórias e sete derrotas. Já Curtis Blaydes chegou a 13 vitórias como profissional, somando também duas derrotas (coincidentemente, ambas diante de Ngannou) e uma luta sem resultado. Com o triunfo, o norte-americano deve se aproximar do topo da categoria até 120kg e pode começar a sonhar com uma disputa de cinturão.

A luta

O combate começou tenso, com Blaydes tentando evitar a mão direita engatilhada de Cigano, que, por sua vez, negou duas tentativas de quedas do rival norte-americano. Nos minutos seguintes, a dinâmica se repetiu, até que Blaydes finalmente conseguiu contato com Cigano, mas o brasileiro se defendeu a tempo de ficar apenas com as costas na grade. Curtis acabou acertando um gancho na região genital de Cigano, o que acabou ajudando o ex-campeão, já que separou o clinch. Na reta final do assalto, Blaydes se soltou mais e acabou conectando alguns bons golpes, o que foi suficiente para levar a vantagem na parcial muito equilibrada.

O segundo round começou com Blaydes surpreendendo Cigano com um bom direto de direita. Acuado, o brasileiro recuou e acabou sendo pego imediatamente por outro bom golpe de direita, que abriu caminho para uma sequência avassaladora de golpes, que rapidamente encurralou o ex-campeão dos pesados com joelhadas e socos, forçando a interrupção do árbitro central.

Após o combate, Curtis Blaydes elogiou Cigano e contou um pouco sobre seu plano de luta entrando no combate. “Cara, uma legítima lenda como Junior dos Santos, um dos cascas-grossas originais desse esporte e ganhar de um cara desses é um feito e tanto, eu estou muito feliz mesmo! Eu sabia que ele ia tentar evitar minhas quedas, mas eu tinha algumas surpresas com os diretos de direita e uppercuts”, disse o norte-americano.

Confira abaixo os resultados do UFC Raleigh:

CARD PRINCIPAL 

Peso pesado: Curtis Blaydes derrotou Junior Cigano por nocaute técnico (joelhada e socos) a 1m00s do R2

Peso meio-médio:  Michael Chiesa venceu Rafael dos Anjos em decisão unânime dos juízes (30×27, 29×28 e 29×28)

Peso mosca: Alex Perez venceu Jordan Espinoza por finalização (katagatame) a 2m33s do R1

Peso palha: Angela Hill venceu Hannah Cifers por nocaute técnico (socos) a 4m26s do R2

Peso meio-pesado: Jamahal Hill venceu Darko Stosic em decisão unânime dos juízes (29×27, 29×27 e 29×27)

CARD PRELIMINAR 

Peso médio: Bevon Lewis venceu Dequan Townsend em decisão unânime dos juízes (30×27, 30×27 e 30×27)

Peso pena: Arnold Allen venceu Nik Lentz em decisão unânime dos juízes (30×27, 29×28 e 29×28)

Peso mosca: Justine Kish venceu Lucie Pudilova em decisão unânime dos juízes (30×27, 30×27 e 30×27)

Peso galo: Montel Jackson venceu Felipe Cabocão em decisão unânime dos juízes (30×26, 30×26 e 30×25)

Peso galo: Sara McMann venceu Lina Lansberg em decisão unânime dos juízes (30×27, 30×26 e 30-25)

Peso galo: Brett Johns venceu Tony Gravely por finalização (mata-leão) a 2m53s do R3

Peso pena: Herbert Burns venceu Nate Landwehr por nocaute técnico a 2m43s do R1

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments