Francis Ngannou prega respeito às mãos de Jairzinho Rozenstruik, mas afirma: ‘Ele não me impressiona’

Franco-camaronês afirma ter ciência dos perigos de enfrentar surinamês, no entanto, mantém confiança em uma vitória por nocaute

F. Ngannou (esq.) e J. Rozenstruik (dir.) fazem luta principal do UFC Columbus, em março. Foto: Montagem SL/MMA Press

No dia 28 de março, o octógono vai balançar com a luta entre Francis Ngannou e Jairzinho Rozenstruik na luta principal do UFC Columbus, nos Estados Unidos. Ciente que vai encarar um adversário que vem em grande fase, o franco-camaronês mantém o respeito à força física do rival, mas garante que o oponente não tem as armas necessárias para vencer. A declaração foi feita em entrevista ao ‘MMA Junkie’.

Veja Também

Ariane Lipski enfrenta Luana ‘Dread’ no UFC San Diego, em maio
Após vitória no último sábado, Marcos Pezão mira luta no UFC 250: ‘Tudo a ver’
Israel Adesanya se desculpa após ‘brincadeira’ infeliz com ‘Torres Gêmeas’

“Não vi nada que tenha me impressionado (em Jairzinho). Em relação àquela luta contra o Overeem, quero dizer, ele foi espancado durante toda a luta e teve sorte no final, basicamente pela interrupção antecipada. O árbitro (Dan Miragliotta), na minha opinião, parou cedo e você sabe, ele lhe deu a vitória, mas, honestamente sua carreira no UFC, não me impressiona”, afirmou Francis.

O franco-camaronês, no entanto, afirmou que permanecerá atento aos perigos que podem ser impostos pelo adversário levando em consideração sua força física. O surinamês conquistou cinco nocautes em suas últimas apresentações.

“Eu não me surpreendi com nada, mas com dito isso, não é para subestimá-lo porque ele era um kickboxer e tem boas mãos. Então, ele conhece o jogo de ataque. Agora, vamos descobrir o que ele sabe sobre o MMA”, declarou Ngannou.

Confiante que vai conquistar seu quarto triunfo consecutivo, Francis, então, arriscou seu palpite sobre como terminará o confronto contra Jairzinho.

“A única maneira que vejo terminando é comigo o nocauteando. Round um ou round dois. Não sei. Então, espero que ele seja bom o suficiente para passar pelo primeiro assalto”, finalizou.

 

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário