Por coronavírus, principal comentarista do Ultimate questiona realização do UFC 249

Sob ameaça do COVID-19, Joe Rogan evita cravar que espetáculo marcado para 18 de abril aconteça

J. Rogan questiona a realização do UFC 249. Foto: Reprodução/ Facebook joerogan

Além de tentar preservar o bem-estar dos atletas no delicado momento vivido em função da pandemia do coronavírus, o Ultimate, hoje, tem outra grande preocupação: a realização do UFC 249. Marcado para 18 de abril, o evento segue confirmado, mas ainda não tem local definido. Pensando nas possibilidades de fazer o card, o principal comentarista da empresa, Joe Rogan, evita cravar que o evento, de fato aconteça e faz ressalvas sobre medidas preventivas que deveriam ser adotadas.

Veja Também

Polícia sugere que, além de álcool, Jon Jones pode ter consumido maconha na noite da prisão
Thiago Marreta e outros rivais comentam nova prisão de Jon Jones
Com luta marcada para abril, Glover Teixeira segue treinando, mas com precauções

“Não sei se eles (diretoria do Ultimate) conseguirão fazer isso (o evento) nos Estados Unidos. Eles estavam falando sobre fazer em um lugar com menos de dez pessoas, apenas uma arena aberta. Acredito que alguém estará lá comentando. Não serei eu. Eles vão disputar em um lugar vazio e vão tentar fazer isso no dia 18”, disse Rogan em seu canal no YouTube, ‘Joe Rogan Experience’.

O card inicialmente aconteceria em Nova York (EUA), no entanto, em função de um decreto firmado pelo governo do estado, o qual proíbe a realização de eventos públicos durante o período de reclusão, o espetáculo teve de ser retirado da cidade. A diretoria, agora, estuda novas possibilidades para que as lutas aconteçam na data prevista.

Apesar de não duvidar da capacidade de Dana White e sua equipe em fazer os combates acontecerem, Rogan defende que tudo seja feita de maneira segura, a fim de manter a integridade física dos atletas, equipes e membros da organização.

“Eles definitivamente conseguiriam (realizar o evento). O UFC tem capacidade para fazer isso. A questão é: como eles vão ter certeza que ninguém tem isso (COVID-19)? Vocês vão ter que testar todo mundo. E se alguém tiver (doente), vocês os deixarão lutar? “E se o Khabib (Nurmagomedov) tiver o corona (vírus)? Ou se o Tony tiver o corona, o Khabib lutará com ele?”, questionou Joe.

Na última semana, surgiram boatos de que o card poderia ser transferido para os Emirados Árabes. A ideia partiu de uma fala do pai do campeão dos leves (até 70,3kg.), Abdulmanap Nurmagomedov. Segundo o mentor e treinador de Khabib, Dubai poderia ser o local.

Dana já chegou a afirmar que tem um novo lugar para realizar o show, mas preferiu não divulgar à imprensa, mantendo, por ora, a informação em sigilo.

A luta principal do UFC 249 marcará a aguardada disputa de cinturão entre Khabib e Tony Ferguson. Esta é a quinta vez que a organização tenta realizar o encontro entre o russo e o norte-americano. Nas quatro tentativas anteriores, o combate foi cancelado em função de lesões dos atletas (duas para cada).

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments